Campo Grande •23 de Junho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Sexta, 14 de Abril de 2017 - 11h21Carreta da Justiça chega a Bodoquena na próxima segunda-feiraCarreta da Justiça ficará no Auditório Mário Brother – Memorial Serra da Bodoquena

(Foto: Divulgação/TJMS)

De 17 a 20 de abril, a Carreta da Justiça estará na comarca de Bodoquena. Anteriormente, a equipe técnica do Tribunal de Justiça acompanhou o juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, que responde pela unidade móvel da justiça, para acertar os detalhes e isso significa que a Carreta da Justiça ficará no Auditório Mário Brother – Memorial Serra da Bodoquena, na Av. Manoel Rodrigues de Oliveira, s/n.

Depois de atender a demanda dos bodoquenenses, a Carreta da Justiça irá para Caracol, onde ficará de 24 a 28 de abril. O presidente do Tribunal de Justiça, Des. Divoncir Schreiner Maran, desde o início, não mediu esforços para alcançar o maior número possível de comarcas no menor tempo, fazendo da celeridade uma constante.

O juiz Luiz Felipe, questionado sobre a importância das parcerias nos locais onde a carreta está atendendo, lembra que nos municípios por onde passou sempre recebeu apoio das instituições municipais. “Em algumas localidades tivemos tratamento diferenciado, mostrando o quanto a justiça faz a diferença na vida dos cidadãos que buscam uma solução para seus conflitos. A população tem aproveitado a presença da justiça, o que torna nosso trabalho mais edificante”.

Até o momento, a Carreta da Justiça percorreu as comarcas de Rochedo, Corguinho, Taquarussu, Antônio João, Guia Lopes da Laguna e Aral Moreira, cidades onde o atendimento chegou a 10% da população local. Além disso, uma parceria com a juíza Jacqueline Machado, da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar da Capital e coordenadora estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, levou a unidade móvel para os distritos de Rochedinho e Anhandui – locais em que o atendimento focou o fim de qualquer tipo de violência contra a mulher.
 
As ações disponibilizadas na Carreta da Justiça abrangem matérias jurídicas cíveis e criminais como conversões e reconhecimentos de união estável em casamento, acordos cíveis, peticionamentos de iniciais do juizado, casos de guarda, alimentos e visitas, reconhecimento de paternidade, coletas de DNA, além de atendimentos de parceiros, do Ministério Público e Defensoria Pública estadual.

Acompanharam o juiz Luiz Felipe na visita técnica o assessor militar do TJMS, Coronel Geraldo Garcia Orti, a diretora da Secretaria de Bens e Serviços, Larissa de Almeida Fagundes, e o diretor da Secretaria de Obras, Daniel Felipe Hendges.

Veja Também
Sexta, 23 de Junho de 2017 - 06h35Dia amanhece frio mas depois temperatura sobe Umidade relativa do ar permanece em queda em todos os municípios do estado
Celebração do Dia de Cooperar será realizado em parque da Capital
MPT/MS lança na próxima segunda-feira projeto 'Medida de Aprendizagem'
Centro de Formação da UFGD leva inglês para Vila Cachoeirinha
Núcleo de Segurança do Paciente é implantado no Hospital de Ponta Porã
Aeroporto recebe simulação inédita de combate a incidentes
Atingida por S-10, Kombi capota e cai em córrego
Vacinação contra HPV para meninos tem baixa adesão na Capital
Vale Universidade recebe inscrições a partir de segunda-feira
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento