Campo Grande •23 de Outubro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner FM Cidade

Da redação | Sexta, 14 de Abril de 2017 - 11h21Carreta da Justiça chega a Bodoquena na próxima segunda-feiraCarreta da Justiça ficará no Auditório Mário Brother – Memorial Serra da Bodoquena

(Foto: Divulgação/TJMS)

De 17 a 20 de abril, a Carreta da Justiça estará na comarca de Bodoquena. Anteriormente, a equipe técnica do Tribunal de Justiça acompanhou o juiz Luiz Felipe Medeiros Vieira, que responde pela unidade móvel da justiça, para acertar os detalhes e isso significa que a Carreta da Justiça ficará no Auditório Mário Brother – Memorial Serra da Bodoquena, na Av. Manoel Rodrigues de Oliveira, s/n.

Depois de atender a demanda dos bodoquenenses, a Carreta da Justiça irá para Caracol, onde ficará de 24 a 28 de abril. O presidente do Tribunal de Justiça, Des. Divoncir Schreiner Maran, desde o início, não mediu esforços para alcançar o maior número possível de comarcas no menor tempo, fazendo da celeridade uma constante.

O juiz Luiz Felipe, questionado sobre a importância das parcerias nos locais onde a carreta está atendendo, lembra que nos municípios por onde passou sempre recebeu apoio das instituições municipais. “Em algumas localidades tivemos tratamento diferenciado, mostrando o quanto a justiça faz a diferença na vida dos cidadãos que buscam uma solução para seus conflitos. A população tem aproveitado a presença da justiça, o que torna nosso trabalho mais edificante”.

Até o momento, a Carreta da Justiça percorreu as comarcas de Rochedo, Corguinho, Taquarussu, Antônio João, Guia Lopes da Laguna e Aral Moreira, cidades onde o atendimento chegou a 10% da população local. Além disso, uma parceria com a juíza Jacqueline Machado, da 3ª Vara de Violência Doméstica e Familiar da Capital e coordenadora estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, levou a unidade móvel para os distritos de Rochedinho e Anhandui – locais em que o atendimento focou o fim de qualquer tipo de violência contra a mulher.
 
As ações disponibilizadas na Carreta da Justiça abrangem matérias jurídicas cíveis e criminais como conversões e reconhecimentos de união estável em casamento, acordos cíveis, peticionamentos de iniciais do juizado, casos de guarda, alimentos e visitas, reconhecimento de paternidade, coletas de DNA, além de atendimentos de parceiros, do Ministério Público e Defensoria Pública estadual.

Acompanharam o juiz Luiz Felipe na visita técnica o assessor militar do TJMS, Coronel Geraldo Garcia Orti, a diretora da Secretaria de Bens e Serviços, Larissa de Almeida Fagundes, e o diretor da Secretaria de Obras, Daniel Felipe Hendges.

Veja Também
Inscrições abertas para 10ª Jornada de Nutrição
Alunos da Capital e Dourados participam de competições nacionais de Química e Astronomia
Aberto cadastro para fotógrafos participarem de casamento comunitário
Ações anunciadas por Temer farão ressurgir o Taquari, diz prefeito
Em evento internacional, Uems debaterá Rota Latina Americana
Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 16 milhões no próximo concurso
Detran Guaicurus não terá atendimento na segunda-feira
Hospital Cassems faz exames preventivos e conscientização
Ação destina macacões a catadores de iscas e caranguejos
Três vítimas de atirador em escola seguem internadas
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento