Campo Grande • 05 de dezembro de 2016 • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | quarta, 14 de setembro de 2016 - 17h00Capital obtem aprovação de empréstimo para revitalizar CentroMunicípio poderá contratar US$ 56 milhões junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento

(Foto: Divulgação/Prefeitura da Capital)

A Prefeitura de Campo Grande conseguiu aprovação junto ao Senado Federal para o empréstimo de US$ 56 milhões junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para revitalizar o centro da Capital. De acordo com o contrato de financiamento com o BID, os recursos  US$ 56 milhões serão liberados mediante contrapartida da Prefeitura de Campo Grande de mesmo valor (US$ 56 milhões), recursos que serão obtidos junto ao PAC Mobilidade. A aprovação do empréstimo contou com o apoio da Bancada de MS.

No total, os investimentos somam US$ 112 milhões, valores que ultrapassam, atualmente, a marca de R$ 360 milhões. Os recursos serão aplicados na revitalização da rua 14 de Julho e transversais, projeto que irá mudar a paisagem da região central de Campo Grande, promovendo a requalificação urbana na ZEIC (Zona Especial de Interesse Cultural) do  centro.  

Elaborado pela Central de Projetos da Prefeitura de Campo Grande, o Projeto de Requalificação da Rua 14 de Julho e Transversais vai atender o trecho entre a avenida Fernando Correa da Costa até a avenida Mato Grosso. Na primeira etapa, o projeto contemplará o trecho da avenida Afonso Pena até a rua Cândido Mariano.

Projeto -  Na rua 14 de Julho e transversais, o projeto prevê a execução de obras de pavimentação e drenagem, retirada da faixa de estacionamento para o alargamento de calçadas que serão padronizadas com piso de acessibilidade. As obras incluem a retirada da faixa de estacionamento para o alargamento de calçadas na rua lateral, paisagismo e arborização urbana no entorno, melhoria dos espaços para circulação de pedestres.

A coordenadora da Central de Projetos da Prefeitura de Campo Grande, Catiana Sabadin destaca a intenção é criar lugares seguros e confortáveis que priorizem a circulação de pedestres e organizem a circulação de veículos. “Serão criados espaços lúdicos que possibilitem o descanso e, ao mesmo tempo, irão resgatar valor cultural, de memória com a inclusão de elementos que irão fortalecer a afetividade do campo-grandense com o centro e a identidade urbana”, completa.

Modernidade - A modernidade da rua virá com o estacionamento subterrâneo, a implantação de mobiliário urbano padronizado e a melhoria da iluminação pública. Outro ponto a ser destacado em relação às vias transversais será a segurança para o pedestre que vai contar tempo para travessia nos cruzamentos com semáforos.

A fiação passará a ser subterrânea. De acordo com o projeto, a rede de cabo e de energia elétrica, telefônica, e outras serão subterrâneas e a fiação dos postes deixará de existir, levando a essa região uma nova paisagem urbana, pondo fim à poluição visual. Os trabalhos serão planejados e executados com autorização da empresa fornecedora de energia sem trazer prejuízos aos comerciantes.

A coordenadora da Central de Projetos, Catiana Sabadin explica que a revitalização inclui projeto de habitação na área central, promovendo a valorização imobiliária e que será fomentado por meio da Parceria público-privado (PPP).

Circuito turístico - A região adjacente à rua 14 de Julho ganhará uma nova estrutura paisagística voltada ao  fomento de um circuito turístico na região central e histórica da cidade.

“A revitalização vai levar acessibilidade, paisagismo, calçada, iluminação pública e a melhoria da mobilidade urbana entre o Horto Florestal, Mercado Municipal, Camelódromo, Morada dos Baís ligando todos esses locais à Orla Ferroviária formando um circuito turístico, econômico e cultural”, destaca.

Financiamento - O financiamento junto ao BID terá juros de 3% ao ano, cinco anos para execução, cinco anos para carência e 20 anos para amortização do empréstimo.

Veja Também
HU-UFGD alerta para novo golpe contra pacientes e familiares
Condenada, Elize Matsunaga pode ir para o semiaberto em 2018
Raio atinge avião de Xuxa que faz pouso de emergência
MP do Brasil atuará na investigação do acidente da Chapecoense
Judiciário de MS terá expediente normal no dia 8 de dezembro
Empregados em lotéricas receberão piso de R$ 1.012,00
Acadêmicos doam 2,5 mil fraldas para Santa Casa
segunda, 05 de dezembro de 2016 - 12h05CCR MSVia informa obras e serviços de melhoria na BR-163/MS Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas
segunda, 05 de dezembro de 2016 - 11h47Ipea: país também precisa de reformas microeconômicas Reformas fiscais e redução da taxa de juros não são suficientes para retomada consistente do crescimento da economia, segundo Ipea
segunda, 05 de dezembro de 2016 - 11h29PF faz buscas na casa de ministro do TCU e de ex-presidente da Câmara Operação Deflexão cumpre nove mandados expedidos pelo ministro Teori Zavascki
square noticias uci
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2016 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento