Menu
18 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Obras

BR-163/MS passa por obras e serviços de melhoria da CCR MSVia

Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas

27 Set2016Da redação09h18

Dando continuidade às obras e serviços de melhoria na BR-163/MS, a CCR MSVia informa os locais onde implanta a operação pare-e-siga, interditando uma das faixas e liberando o tráfego pela outra, alternadamente. Em outros locais, a Concessionária realiza desvios no fluxo de veículos.

Conforme o Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU, a redução de velocidade na aproximação desses pontos da rodovia é uma atitude muito importante que vai ao encontro das melhores práticas de direção defensiva.

Pontos com desvio de tráfego:
Rio Verde de Mato Grosso – no km 660 e entre os kms 654 e 652;
São Gabriel do Oeste – entre 623 e 621;
Campo Grande – entre os kms 432 e 431;
Dourados – entre os kms 275 e 274;
Naviraí – no km 131.
 
Pontos com pare-e-siga:
Bandeirantes – entre os kms 563 e 561 e entre os kms 540 e 538;
Nova Alvorada do Sul – entre os kms 382 e 380;
Rio Brilhante – entre os kms 238 e 347 e no km 334;
Itaquiraí – entre os kms 72 e 70;
Eldorado – entre os kms 62 e 61 e entre os kms 43 e 42;
Mundo Novo – no km 21, entre os kms 13 e 11 e entre os kms 2 e 0.

Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas. Todos os locais estão sinalizados.

A CCR MSVia alerta que o cronograma de obras e serviços é dinâmico, ou seja, outros pontos de intervenção com pare-e-siga ou desvio de tráfego podem ocorrer ao longo do dia. Acompanhe a evolução da situação de tráfego da BR-163/MS por meio do site www.msvia.com.br em tempo real, ou ligue para o Disque CCR MSVia pelo 0800 648 0163 (ligações gratuitas, inclusive para celulares).

Veja Também

Sitiante é autuado por manter macaco-prego em cativeiro
Anvisa suspende venda de fraldas Huggies Turma da Mônica
Colisão frontal mata duas pessoas em rodovia
Simted rejeita proposta feita pela prefeitura de Corumbá
Governo do Estado promove 113 PMs a sargento
Campanha do Agasalho do Judiciário é prorrogada até o dia 10 de julho
Castração de gatos no CCZ deverá ser agendada presencialmente
Empresário sugere proibição de fogos de artifício com ruído
Deficientes poderão ser isentos de taxa de inscrição em concursos
Projetos proíbem cursos de graduação a distância na área da saúde