Menu
19 de julho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
II Congresso de Empresas Familiares
SOS Mata Atlântica

Água dos rios de MS será monitorada

Projeto Observando os Rios capacita voluntários para avaliar a qualidade

25 Jul2017Laureano Secundo10h51

A SOS Mata Atlântica realiza, entre 31 de julho a 4 de agosto a capacitação de cidadãos e organizações interessados em monitorar a qualidade da água dos rios de Bonito (MS). A ação tem o objetivo de envolver a comunidade na proteção de rios, nascentes e córregos, realizando a coleta de amostras e análises mensais. Os resultados são compilados em um banco de dados e ficam disponíveis na internet. Para participar da iniciativa, é necessário fazer o cadastro no link: http://migre.me/vGQaW. O projeto tem patrocínio Coca-Cola Brasil e Ypê.

As equipes de monitoramento analisam elementos presentes na água, como oxigênio, PH e fosfato, por meio de um kit desenvolvido especificamente para o projeto. A iniciativa é aberta à população em geral, que pode participar dos grupos existentes ou formar novas equipes.

No dia 31 de julho, na parte da manhã, será a capacitação geral e definição dos locais onde a população fará a análise mensal da qualidade da água. Na parte da tarde do mesmo dia e nas demais datas, a equipe da SOS Mata Atlântica realizará visitas técnicas com os grupos para a parte prática do projeto.

 Malu Ribeiro, especialista em recursos hídricos da Fundação, ressalta a importância da participação da sociedade na iniciativa, que permite intensificar e ampliar o trabalho realizado pela ONG no resgate dos rios, córregos e nascentes do país. “A formação de uma rede de cidadãos para monitorar a qualidade da água dos rios brasileiros é um instrumento de engajamento e mobilização por avanços no saneamento”, comenta Malu. 

A Ypê, parceira da SOS Mata Atlântica há dez anos, reforça a importância da ação para as gerações futuras. A Ypê acredita que um futuro melhor para a sociedade, inclui promover e apoiar iniciativas sustentáveis. Afinal um projeto como esse possibilita ações de conservação, recuperação e gestão participativa da água. 

Para dar ainda mais força ao projeto, a Coca-Cola Brasil também entrou no projeto, somando a Ypê no apoio à expansão do programa pelo Brasil. “Estamos determinados a criar valor em todas as esferas: dentro das nossas fábricas, ao longo da cadeia produtiva e nas comunidades nas quais atuamos, indo além das metas compensatórias e de mitigação de impacto. Com essa parceria temos a oportunidade agora de fortalecer a rede em defesa dos rios limpos e água de qualidade para todos”, diz Pedro Massa, diretor de sustentabilidade e valor compartilhado da Coca-Cola Brasil. 

 

Veja Também

Poder público ocupará vagões na Orla Ferroviária
MPE tenta garantir a proteção do idoso no momento da internação
Acadêmicos da UFMS devem se cadastrar para passe do estudante a partir do dia 20
Fazendeiro é multado em R$ 47 mil por desmatamento
Ministro da Segurança anuncia Fronteira Segura
Brasil tem 677 casos de sarampo confirmados, diz Ministério da Saúde
Morte Garoto de 12 morre em acidente Carro da família colidiu de frente com ônibus
Campo Grande terá 36° de calor
Pacientes do SUS vão receber notificações de consulta pelo celular
Projeto proíbe descrição indevida do leite em embalagens de alimentos