Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Mais de 5 mil irregulares

Até empresários e servidores públicos recebem Bolsa Família

MPF recomentou bloqueio do benefício de investigados

28 Set2016Dayene Paz12h40

Cerca de 5.232 mil cadastros de beneficiários do Programa do Governo Federal, o Bolsa Família, estão sendo investigados em Campo Grande. Entre eles estão empresários, servidores públicos e pessoas já falecidas. Também há doações 100 vezes superior aos valores do Bolsa Família, com valores irrisórios das campanhas de 2012 e 2014, alguns chegam a R$ 13 mil.

As informações foram apresentadas hoje pela secretária de Assistência Social, Marcela Rodrigues Carneiro e o secretário de Finanças do município, Disney Fernandes. “Recebemos também uma lista de beneficiados com suspeita de irregularidades do Ministério Público Federal, estamos fazendo as visitas e cruzando as informações”, explica Marcela.

Os beneficiários são inscritos no Cadastro Único, que é o banco de dados que promove todas as informações para programas sociais. 125 mil pessoas estão cadastradas no CadÚnico, mas nem todas são beneficiárias. “Dentre as 125 temos em Campo Grande, 25.159 famílias beneficiarias”, informa a secretária.  A média do valor é de R$ 150, com um impacto mensal de R$ 4 milhões mensais. 

Entre as irregularidades, foi averiguado que 86 pessoas, beneficiários do Bolsa Família doaram para campanhas eleitorais de 2012 e 2014; 11 servidores também doaram e cerca de  4.5 mil empresários recebem o benefício. Pessoas falecidas que continuaram recebendo somam 153.

Os técnicos da prefeitura enviam as informações para o Ministério do Desenvolvimento Social, o MDS, que faz o bloqueio do benefício, até que a investigação seja concluída. O prazo é de 60 dias, mas a prefeitura já pediu um prazo maior.

Veja Também

Índios de Dourados recebem equipamentos para a agricultura
Denatran suspende pagamento de multas com cartão de crédito ou débito
Projeto estabelece isenção de carência em planos de saúde
MPF denuncia sete por fraude em licitação no aeroporo da Capital
Procon recolhe produtos vencidos e abre processo contra rede de mercados
Pedidos de aposentadoria por telefone e internet
Trânsito CCR MSVia destaca operações pare-e-siga na BR-163/MS Em caso de chuvas, as obras serão suspensas
Nacional Mais 21 serviços no INSS poderão ser agendados pela internet Agendamento vai começar a partir de quinta-feira, 24 de maio
Taxa de inscrição no Enem deve ser paga até quarta-feira
Greve compromete escoamento da safra