Menu
22 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Acidente

Araras atropeladas na BR 163

Aves foram recolhidas no trecho próximo a cidade de Bandeirantes

15 Set2016Da redação09h10

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande receberam hoje às 7h00, duas araras da espécie Ara ararauna (arara-canindé). Um morador de Campo Grande, que viajava pela BR 163 encontrou os animais mortos às margens da rodovia, entre as cidades de Bandeirantes e Jaraguari.

Ele afirmou à PMA que os animais tinham sido atropelados e já estavam mortos, quando ele chegou, não sabendo precisar a hora do acidente. O homem afirmou conhecer os trabalhos de Educação Ambiental da PMA utilizando animais taxidermizados (empalhados) para discutir os problemas de fauna, incluídos os atropelamentos e, depois de telefonar para um policial militar ambiental pedindo informações de procedimentos, trouxe as araras para entregá-las à PMA na Capital.

Veja Também

ONU celebra suspensão de testes nucleares da Coreia do Norte
Mais de 1,4 mil travestis e transexuais pediram nome social no título
Obra de drenangem interdita trecho da Leão Neto na segunda-feira
Ponte de concreto para substituir a que caiu está 91% concluída
Confira os 12 erros mais cometidos na Declaração do IR
Tribunais e cartórios de MS serão inspecionados
Usando arte, evento alerta contra a cultura do estupro
Homem morre afogado após veículo cair em rio
Aposta feita em Brasília fatura mais de R$ 9 milhões na Mega-Sena
Fiocruz fabricará remédios contra HIV e hepatite C para ofertar no SUS