Menu
14 de dezembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega Banner Pátio Central - Natal
Campo Grande

Unidos da Vila Carvalho é campeã do Carnaval 2016

Em segundo lugar ficou a Igrejinha que foi punida com a perda de dois pontos

10 Fev2016Valdelice Bonifácio e Karine Alencar23h59
(Foto: Marco Miatelo)
  • Vice-presidente da Igrejinha, Antônio Valdo, observa a comemoração da torcida da Vila Carvalho
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Miatelo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)
  • (Foto: Marco Matielo)

A Unidos da Vila Carvalho é a campeã do Carnaval de 2016 de Campo Grande. O resultado foi anunciado na noite desta quarta-feira, 10 de fevereiro, após apuração de notas com direito a brigas na Praça do Rádio Clube, no Centro de Campo Grande. Em segundo lugar ficou a Igrejinha, campeã do ano passado, quando a Carvalho ficou com o vice-campeonato.

Neste ano, a diferença entre as duas escolas foi de apenas dois pontos. A Vila Carvalho venceu com 266,3 pontos contra com 264,7 da Igrejinha. A terceira colocação ficou com a Catedráticos do Samba com 259,4 pontos, seguida pela Deixa Falar com 252,8 pontos e pela Unidos do Cruzeiro, quinta colocada, com 243,1. 

Nenhuma das escolas será rebaixada para o grupo de acesso,porque os jurados consideraram que a falta de iluminação prejudicou o desfile. Portanto, em 2017, seis agremiações disputarão o prêmio no grupo especial. Isso porque a Cinderela Tradição do José Abrão, vitoriosa no grupo de acesso, ascenderá à disputa principal.

A Vila Carvalho foi a quarta escola a desfilar na Avenida Alfredo Scaff na noite de terça-feira, 9 de fevereiro. As fantasias caprichadas demonstravam que a escola estava forte  na disputa pelo título. A agremiação homenageou seu presidente vitalício José Carlos Carvalho, com o enredo “Meio Século de Samba, Meu Coração é Verde e Rosa, Dê ao Zé o que é de Zé.”

Confusão -- A apuração das notas foi marcada por confusão. Integrantes da Igrejinha se indignaram quando foi anunciado que a escola perderia dois pontos por supostamente desfilar com número de participantes menor que o permitido em algumas alas, o que a agremiação contesta. Revoltada, a presidente da Igrejinha Marisa Fontoura chegou a rasgar planilhas que estavam na mesa dos jurados. A escola deverá recorrer do resultado da disputa à Liga das Escolas de Samba de Campo Grande (Lienca).

Na noite de terça-feira, a Igrejinha foi a segunda a se apresentar na Alfredo Scaff e conseguiu contagiar o público. O enredo apresentado foi “Nos reinos de Edson Contar, o Carnaval é um sonho que se sonha junto”, uma homenagem ao jornalista, escritor e poeta Edson Contar. 

A noite de premiação dos vencedores do Carnaval de 2016 será na próxima sexta-feira, às 19h30, também na Praça do Rádio Clube.

Veja Também

Política É um orgulho representar o Estado, diz futura ministra em diplomação Tereza Cristina foi reeleita deputada federal e vai integrar o primeiro escalão do governo
Santa Casa espera repasse do poder público para pagar médicos
Governo libera R$ 78 mil para obras em escola indígena de Corumbá
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio de R$ 42 milhões
Publicada relação de candidatos para coordenador pedagógico
Contribuintes recebem prêmios do último sorteio do IPTU
Posse da nova diretoria da Amamsul será nesta sexta-feira
Juíza da Capital é a primeira desembargadora eleita por merecimento
Definida empresa que revitalizará o ginásio Guanandizão
Cidade do Natal tem música e encenação do nascimento de Jesus no fim de semana