Menu
15 de outubro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Meio Ambiente

Aprovada inclusão de energia solar como medida de desconto no IPTU

Lei prevê a redução de tributos conforme soluções apresentadas nas construções, para energia solar e captação da água da chuva

15 Abr2019Da redação19h41

De autoria dos vereadores Eduardo Romero (Rede) e Dr. Lívio (PSDB) e depois com coautoria de Gilmar da Cruz (PRB), Betinho (PRB) e Odilon de Oliveira (PDT), a proposta de atualização da lei que versa sobre o programa Imposto Ecológico foi aprovada na Câmara. A novidade é a inclusão de sistema de energia solar como uma das medidas que podem dar desconto no IPTU.

Romero destacou que o projeto de Lei Complementar 609/18, que altera, suprime e acrescenta dispositivos da Lei Complementar 153, de 20 de janeiro de 2010, também conhecido como IPTU Verde, mantém mesmos percentuais de desconto, mas “na essência trata-se de adequação da lei, apenas deixando critérios mais claros, pois algumas pessoas estavam tendo dificuldade em acessar tais benefícios”.

A lei prevê a redução de tributos conforme soluções apresentadas nas construções, para energia solar e captação da água da chuva. Antes, constava apenas previsão para aquecimento de água com controle solar e agora se estende às placas fotovoltaicas.

Podem obter descontos no IPTU, não podendo ultrapassar 10% no acumulado, as seguintes medidas: sistema de captação de água da chuva e/ou de reuso de água, sistema de aquecimento solar, sistema de energia solar fotovoltaica, construções com material sustentável e Sistema de energia solar fotovoltaica: sistema de produção de energia elétrica renovável, através da radiação solar, por meio de células fotovoltaicas.

Conforme a justificativa, a proposta visou adequar as necessidades apresentadas principalmente quando realizado o 1° Seminário de Energia Solar, com o tema ‘Desafios e Inovações para Sustentabilidade’, presidido por Eduardo Romero, que reuniu profissionais da área, empresas, organizações não governamentais e o setor público municipal e estadual para apresentar uso da energia solar no Brasil e apontar perspectivas e desafios para o incremento dessa fonte no Mato Grosso do Sul.

Veja Também

Obra começa e moradores de rua deixam viaduto
Carreta da Justiça Itinerante atende sul do Estado
Pescador salva onça presa em anzol de galho no rio Miranda
Ave silvestre é abandonada e PMA orienta sobre devolução espontânea
Governo Federal modifica regras para deportação de estrangeiros
Acidente Mecânico tem lesões graves após choque elétrico Acidente aconteceu quando vítima subiu no telhado da oficina
UEMS promove ações sustentáveis na  Semana Lixo Zero
Confira escala médica nas UPAs e CRSs nesta segunda-feira
Guarda Municipal recolhe modelos de espingardas que causaram morte de homem
Parceria vai agilizar atendimento às famílias de vítimas de morte natural