Menu
20 de fevereiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Meio Ambiente

PMA recolhe aves e um jabuti feridos

Ao todos foram oito animais silvestres, sendo dois na Capital

6 Dez2018Da redação11h36

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande recolhem em média oito animais diariamente ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS). Normalmente o predomínio é de aves, como aconteceu ontem (5), porém, o que chamou a atenção é que, de oito animais capturados, três estavam com ferimentos graves.

Uma ave da espécie curicaca foi resgatada por um morador do bairro Santa Emília com uma das asas fraturadas. Um carcará foi recolhido com as duas pernas quebradas no Campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Já um jabuti foi resgatado pela equipe da PMA na rotatória da coca-cola com o casco quebrado possivelmente por atropelamento.

Todos os animais foram encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) nesta Capital, cujos técnicos os acompanharão até a possível reintrodução na natureza.

Veja Também

Casal apreendido por erro no emplacamento de carro deve ser indenizado
Por decisão do TJ, Polícia Municipal volta a ser Guarda
Planurb promove debate sobre meio ambiente e mercado de trabalho
Servidores mais caracterizados em baile ganharão poupança de R$ 500
Seminário discute implantação de Práticas Integrativas no SUS
Dourados é escolhida para receber projeto de gestão do SUS
Confira escala médica das UPAs e CRSs nesta quarta-feira
Justiça quebra sigilo bancário e bloqueia bens de Longen
Trânsito CCR MSVia realiza pare-e-siga na BR-163/MS devido à execução de serviços Em caso de chuva, as obras poderão ser interrompidas. Todos os locais estão sinalizados
MS constrói ponte no maior assentamento do Brasil