Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Por satélite

PMA aplica R$ 1,2 milhão em multas

Áreas de 4,2 mil hectares foram descobertas por imagens de satélites

23 Ago2017Laureano Secundo10h36

Em um ano foram localizados 4.191,43 hectares de desmatamentos ilegais, que geraram 46 autos de infrações administrativos com aplicação de R$1.183.205,00 em multas. As ações integram a Operação Cachorro Vinagre implementada pela Polícia Militar Ambiental a partir de agosto de 2016 (há um ano), em parceria com o Ministério Público Estadual (MPE).

O objetivo da Operação é realizar levantamentos por imagens de satélites de desmatamentos ilegais em todo o Estado. Com as áreas de desmatamentos levantadas pelo Núcleo de Geoprocessamento (NUGEO) do MPE, são cruzados os dados dos licenciamentos e, em seguida, as pessoas que realizaram desmatamentos ilegais são autuadas por equipes da PMA.

Diversas autuações já foram realizadas em todo o Estado. Algumas por desmatamentos recentes, outras, quando iniciavam os desmatamentos ilegais e, algumas, a infração era mais antiga e na área desmatada já havia o plantio de pastagem ou lavoura.

Só na semana passada, foram quatro autuados em Campo Grande e Ribas do Rio Pardo, porém, todas as equipes das 25 Subunidades da PMA no Estado realizam as fiscalizações.

Veja Também

Rodovia que 'esfarelou' fica pronta em agosto
Simted suspende greve que iniciou na sexta-feira, dia 18
Dourados receberá Caravana da Saúde Indígena em junho
Campanha de Vacinação já imunizou 129 mil pessoas, diz prefeitura
Projeto estabelece o rastreamento precoce de doenças
Programa Universitário Cidadão tem início em Três Lagoas
Defesa Civil do Estado avalia impactos da cheia do Pantanal
Câmara conclui votação da regulamentação da profissão de físico
EUA acusam aliado de Maduro de narcotráfico e impõem sanções
Projeto endurece pena para homicídio contra população LGBT