Menu
21 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Campo Grande

Almoço vegano levanta dinheiro para animais resgatados

Evento será realizado no dia 6 de novembro, com cardápio variado e música ao vivo

28 Out2016Da redação14h08

As dívidas com o tratamento veterinário e a manutenção dos animais resgatados das ruas ou vítimas de maus-tratos são cada dia maiores, e Organizações Não Governamentais (ONGs) e protetores independentes precisam se mobilizar em busca de apoio da população para arcar com os custos do trabalho voluntário em prol dos bichos.

Para amenizar uma dívida que está em torno de R$ 25 mil, referente ao tratamento de animais resgatados, a ONG Cão Feliz e as protetoras Greice Maciel e Adriana Freitas promovem no próximo dia 6 de novembro, em Campo Grande, o Almoço Beneficente Vegano. O evento acontece a partir do meio-dia, na Estância das Flores, localizada na Avenida Cônsul Assaf Trad.

Atualmente a Cão Feliz conta com 90 cães, e as protetoras Greice e Adriana tem sob sua responsabilidade cerca de 20 resgates, distribuídos em clínicas, lares temporários ou em suas residências.

“Os pedidos de resgates são diários e não temos mais meios para ajudar. Diariamente recebemos pedidos de resgate de animais doentes, atropelados, maltratados ou nas condições mais críticas de abandono. As ONGs ainda não contam com recursos públicos, portanto dependem da mobilização popular, além do mais, a Cão Feliz está em fase de construção de sua sede, com muitas parcelas pendentes. E nós, protetoras, somos pessoas comuns, que trabalhamos, temos nossas contas a pagar e dedicamos tempo e dinheiro para ajudar os animais. Não temos recursos para isso, mas fazemos o que podemos, da maneira como podemos”, avalia Greice.

O almoço beneficente vegano contará com pratos variados, como moqueca de banana, feijoada, arroz, farofa de couve, saladas diversas e sobremesas. A opção vegana segue os ideais do grupo, de respeito aos animais, sem especismo.

“Não haverá  nada de origem animal, nem ingredientes de marcas que testam em animais, pois, não queremos que nenhum outro animalzinho, que também sente dor e sofrimento, seja explorado ou morto para salvarmos os nossos resgates. Todos têm direito à liberdade e à vida. Para quem não conhece a culinária vegana, garanto que irá se surpreender com novos sabores”, destaca a protetora.

O ativista Leandro Ferro, de São Paulo, um dos que esteve à frente no resgate dos beagles do Instituto Royal, e que discursou na CPI dos maus-tratos em Brasília, estará presente no almoço e conversará com o público sobre os desafios da proteção animal.
A organização pede para os participantes levarem pratos e talheres. Durante o evento também haverá música ao vivo e bazar de roupas, sapatos e utensílios pet.

Os convites antecipados podem ser adquiridos por R$ 25,00 pelos telefones: (67) 98175-7609 e 99225-9798 (com Greice Maciel ou Adriana Freitas).
 
Serviço - Almoço Vegano Beneficente
Data: 6 de novembro de 2016 (Domingo)
Horário: A partir do meio-dia.
Local: Estância das Flores - Avenida Cônsul Assaf Trad, 3.484 (em frente ao Atacadão), Campo Grande, MS  

Veja Também

Terceira agência digital do País é inaugurada
Projeto proíbe exibição de animais silvestres em zoológicos, aquários e parques
Manutenção do Parque das Nações será feita com veículo elétrico
Prefeitura abre inscrições para desfile cívico de 26 de Agosto
Arraial do Banho de São João começa nesta quinta em Corumbá
Helicóptero da PM transporta peão a Santa Casa
Campo Grande receberá próxima etapa da Copa Truck
Após reportagem, indígenas de Dourados recebem cobertores
Governo divulga nota de pesar pela morte de ex-presidente da Agepen
Trânsito CCR MSVia prossegue com obras na BR-163/MS Em caso de chuvas, as obras serão suspensas