Menu
20 de junho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Interior

Agepan busca solução para melhorar transporte em Ladário

Em até 45 dias, ruas de Ladário passarão por obras de reconformação, para atenuar dificuldades de tráfego

18 Mai2019Da redação18h18

Em até 45 dias, as ruas de Ladário que servem ao itinerário da linha intermunicipal entre o município e Corumbá passarão por obras de reconformação, o que irá atenuar dificuldades de tráfego que causam constantes reclamações dos usuários. A Prefeitura comunicou à Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan) que a licitação vai ser feita já na semana que vem e esse é o prazo previsto de execução. De imediato, conforme a administração municipal, já foram feitos reparos que tornaram trafegáveis algumas ruas que apresentavam mais problemas durante a última vistoria feita pela Agência Reguladora.

Da parte da empresa, já foram iniciados os procedimentos para readequar o itinerário, de modo a alterar pontos de embarque e desembarque de acordo com a real demanda de passageiros, além de evitar extensões desnecessárias que atrasam o cumprimento dos horários.

As providências foram discutidas em reunião promovida pela Agepan na tarde de quinta-feira (16), em Campo Grande, com participação do prefeito Iranil de Lima Soares, o diretor da Viação Canarinho Joafran Bueno, técnicos da agência reguladora e os deputados estaduais Evander Vendramini e Rinaldo Modesto. O diretor de Transportes da Agepan, Ayrton Rodrigues, informou que uma equipe vai retornar a Ladário nos próximos dias para acompanhar a adequação de itinerário proposta pela empresa e para inspecionar se foram executadas as correções mecânicas determinadas na frota.

As medidas representam o esforço conjunto entre a Agência, a concessionária e o Município para tentar melhorar a qualidade do atual serviço, que atende não apenas a ligação intermunicipal, como supre o deslocamento urbano interno em Ladário. “O governo do Estado já licitou e contratou a consultoria que irá elaborar o Plano Diretor de Transportes. Os trabalhos devem começar em breve e irão resultar no modelo para todo o sistema. É uma solução a médio prazo. De imediato, a população de Ladário precisa que cada um de nós, agência reguladora, empresa e Prefeitura, atue para melhorar o serviço que existe hoje”, destacou Ayrton Rodrigues.

Segundo o prefeito da cidade, não está descartado futuramente a implantação de um transporte local, deixando a Viação Canarinho a cargo apenas da ligação ponto a ponto entre as duas cidades, como é o propósito da linha intermunicipal.

Veja Também

Investir em educação é eficaz para redução de homicídios, diz Unicef
Total médio de anos de estudo cresce no Brasil, diz pesquisa do IBGE
Movimentos brasileiros pela sustentabilidade
Campanha vai imunizar 200 mil cães e gatos
Corpus Christi altera funcionamento dos serviços públicos; confira
Servidores arrecadam seis mil peças de roupas e doam para FAC
Agehab divulga lista de habilitados para sorteio de apartamentos na Capital
Detran não abre na sexta, mas vistoriadoras mantêm atendimento
Zezé Di Camargo faz campanha pró Cota Zero em MS
Operação Limpa Pátio no Detran-MS