Campo Grande •21 de Setembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner Rota das Estações - Primavera

Mariel Coelho, em colaboração ao Diário Digital | Quarta, 21 de Setembro de 2016 - 15h27Agências bancárias são denunciadas à PF por descumprimento de leiItaú foi denunciado, pois estaria atendendo fora do horário de expediente

De acordo com a Lei nº 7.102/83 que veda o funcionamento de qualquer estabelecimento financeiro sem vigilante.
De acordo com a Lei nº 7.102/83 que veda o funcionamento de qualquer estabelecimento financeiro sem vigilante. (Foto: Divulgação)

Devido à greve dos bancos, varias denuncias estão chegando ao Sindicato dos Bancários de Campo Grande-MS e Região. Na terça-feira, dia 20, o banco Itaú foi denunciado, eles teriam determinando que os funcionários atendessem os clientes fora do horário de expediente, assim descumprindo a lei de segurança bancária.

Dirigentes sindicais foram até uma agência e constataram a irregularidade. “Presenciamos o gerente estava na unidade à noite com dois clientes e sem vigilante. Tal situação coloca em risco a vida do próprio bancário como a dos clientes, já que estão expostos e podem ser assaltados”, disse o presidente do sindicato, Edvaldo Barros. O funcionário informou que a orientação tinha sido da própria instituição, através da inspetoria do banco.

De acordo com a Lei nº 7.102/83 que veda o funcionamento de qualquer estabelecimento financeiro sem vigilante. A fiscalização desta legislação cabe a Polícia Federal, o sindicato protocolou a denúncia no órgão para que providências sejam tomadas. De acordo com o advogado do sindicato, Alexandre Cantero, o banco pode ser punido com advertência, multa ou até a interdição do estabelecimento.

O secretário jurídico do sindicato, Orlando Almeida, diz que a greve é legítima, e é um direito garantido pela Constituição. “Nenhum bancário pode ser forçado a voltar ao trabalho. É um absurdo essa situação. Além de ser uma prática antissindical e de assédio do banco, mostra que a instituição não se importa com a vida do funcionário. Como entidade que representa os bancários, não podemos deixar que essa situação se repita”, completou Orlando. 

Veja Também
Aprovado projeto que inclui tipagem sanguínea em documentos
Palestra sobre 'Relacionamento com Clientes' será nesta quinta-feira
Dia da Árvore terá programação especial no TJMS
CCR MSVia oferece exames clínicos gratuitos a caminhoneiros
Jovem que matou por ciúmes é condenada a 18 anos
MS é o 5º colocado no Ranking de Competitividade dos estados
Festival da Primavera será aberto nesta sexta em Antônio João
Eleitores faltosos estão isentos de multas eleitorais
Correios paralisam por tempo indeterminado
Minha Casa Minha vida sem recursos
Square Noticias UCDB
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento