Menu
19 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner ALMS - Parlamento Jovem
Circuito de Vôlei de Praia

Sul mato-grossense é aposta no vôlei de praia

Atleta é campeã mundial sub-19 de vôlei de praia e estreia no circuito mundial

23 Set2016Larissa Mendes, especial para o Diário Digital11h41
(Foto: Luciano Muta)
  • Victória irá jogar novamente às 13h.
  • (Foto: Luciano Muta)
  • Franco Neto, ex-atleta e gerente do circuito.

Apesar de ter perdido o jogo de estreia na primeira temporada 2016/17 do Circuito de Vôlei de Praia que está ocorrendo na Capital, Victória Lopes Pereira de apenas 17 anos, considera a perda um aprendizado, “sempre quando a gente perde a gente aprende e tenta melhorar”, comenta.  A sul mato-grossense, que esse ano foi campeã Mundial Sub-19 de vôlei de praia é uma grande aposta para o futuro do esporte. 

Na manhã de hoje, Victória que é natural de Ivinhema, junto com a parceira Sandressa de Alagoas, jogaram contra uma dupla experiente, que é Taiana e Juliana do Ceará. A partida começou as 9h, a dupla de Victória perdeu de 2 a 0. Mesmo perdendo, Victória já acha uma conquista de ter chegado ao Open,  mas ainda está confiante com o jogo de hoje a tarde, as 13h.  “É preciso confiança, tenho que ganhar se não eu perco o circuito, vou me concentrar mais dessa vez”, relatou. 

Segundo o ex-atleta e gerente do circuito de vôlei de praia, Franco Neto, o esporte tem cada vez mais apostando na juventude, como é o caso de Victória que vem evoluindo cada vez mais no esporte. 

O vôlei de praia é cara do brasileiro, e o circuito tem como objetivo também de trazer o esporte para outros lugares que não seja só na praia. Franco diz que Mato Grosso do Sul é um estado onde saem bons atletas, exemplo disso é o Saymon Barbosa, que é da capital e participou das Olimpíadas. 

As disputas irão até domingo, 25, na arena montada no Parque das Nações Indígenas. As entradas são gratuitas para 650 pessoas por ordem de chegada. 

Veja Também