Menu
21 de fevereiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Esporte

MS participa de Fase Regional do Circuito Brasil de atletismo e natação

Delegação paralímpica do Estado, embarcou para Brasília onde será realizado a competição

31 Jan2020Da redação16h58

Equipe de 58 atletas sul-mato-grossenses participarão da etapa Regional Centro-Leste do Circuito Brasil Loterias Caixa de atletismo e natação. A competição, que marca o início do calendário 2020 do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), será realizada em Brasília-DF, de 31 de janeiro a 2 de fevereiro.

Além dos atletas, a delegação do Estado é composta por 12 técnicos e 17 staffs (tappers, atletas-guia, auxiliares técnicos e dirigentes), de 10 clubes. Todos embarcam na quinta-feira (30).

A etapa da Capital Federal recebe atletas da região Centro-Oeste, de Minas Gerais e de três estados do Norte (Acre, Rondônia e Tocantins). Conforme o CPB, a etapa contará com 527 atletas, representando aumento de 30% em relação à mesma etapa do ano passado, sediada em Uberlândia-MG.

Ao todo, 10 clubes vão representar Mato Grosso do Sul. De Campo Grande, participarão a equipe Sprint Atletismo, Associação de Atividades de Valorização e Apoio ao Desporto Educacional e Adaptado (Ativa-MS), Rádio Clube/Submersos Natação Paralímpica, Associação Desportiva Atletas de Cristo (Adac), Associação Campo-Grandense Paradesportiva Driblando as Diferenças (ADD) e Centro Arco-Íris Reabilitação Alternativa (Caira).

A segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul marcará presença na competição com a Associação Centro Paradesportivo de Alto Rendimento Monte Sião, Centro de Apoio ao Portador de Deficiência Física de Dourados (CADD) e Associação Esportiva Dourados Paralímpico, além da participação da Associação Supera Sidrolandense de Pessoa com Deficiência (Assiped), de Sidrolândia.

O Circuito Brasil

O Circuito Brasil é composto por quatro fases regionais e duas nacionais. Segundo o CPB, o “objetivo desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidade para atletas de elite e novos valores do esporte paralímpico do país, a partir dos 14 anos”. No ano passado, o Circuito, tido como o mais importante evento paralímpico nacional, reuniu mais de dois mil atletas de todo o Brasil.

Os atletas que alcançarem os índices estabelecidos pelo departamento técnico do CPB nas etapas regionais (Centro-Leste, Rio-Sul, São Paulo e Norte-Nordeste) garantem participação nas fases nacionais do Circuito, que ocorrem no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, maior complexo paradesportivo da América Latina, em São Paulo-SP.

Veja Também

Nadador de MS disputa competição no Peru com a seleção brasileira
Águia Negra vence e se garante nas quartas de final
Prefeitura inaugura novo palco para ginástica no Parque do Sóter
Torneio em Campo Grande dá início a calendário do judô estadual
Judoca da Capital é convocada pela seleção brasileira para treinamento de campo
Seletiva definirá duplas para representar MS no Circuito Brasileiro Sub-17 de Vôlei de Praia
Adeus mágica no futebol? Árbitro pune Neymar após drible em jogo
Pontaporanense vence a primeira e Águia Negra perde os 100% de aproveitamento
17ª Copa Assomasul terá início em 7 de março
Águia Negra inicia participação nesta quinta-feira na Copa do Brasil