Menu
6 de dezembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Paralimpíadas

MS traz 93 medalhas

Delegação ficou em 10º lugar na etapa nacional

25 Nov2019Laureano Secundo08h07

Mato Grosso do Sul fechou a 13ª edição da etapa nacional das Paralimpíadas Escolares com 93 medalhas e na 10ª classificação geral, com 184 pontos. A delegação sul-mato-grossense participou de seis das 12 modalidades da maior competição paradesportiva escolar do mundo, realizada de 19 a 22 de novembro, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo-SP.

Ao todo, mais de 1,2 mil paratletas estiveram na capital paulista. A equipe sul-mato-grossense, composta por 74 paradesportistas e 41 membros do estafe, teve o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte). De acordo com o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), todas as unidades da Federação enviaram representantes para o evento.
Confira o desempenho de cada modalidade nas Paraesc 2019:
Atletismo
O atletismo sul-mato-grossense conquistou 51 medalhas (26 ouros, 17 pratas e 8 bronzes) e terminou na sexta colocação geral do quadro de condecorações. Os 28 atletas da modalidade conseguiram colocar Mato Grosso do Sul em quarto lugar por Pontuação Geral Escolar, com 640 pontos. O destaque vai para os 10 recordes escolares batidos pelos paradesportistas do Estado.
Natação
A natação foi a segunda modalidade que mais faturou medalhas na Terra da Garoa. Ao todo, foram 21 medalhas (10 ouros, 8 pratas e 3 bronzes), que colocaram Mato Grosso do Sul na nona colocação entre as unidades federativas.
Na disputa por Pontuação Geral Escolar, a equipe sul-mato-grossense, composta por 13 nadadores, encerrou a competição na 13ª posição, com 162 pontos.
Tênis de mesa
O tênis de mesa finalizou as disputas das Paralimpíadas com 10 medalhas (1 ouro, 5 pratas e 4 bronzes) na bagagem. Mato Grosso do Sul, com oito atletas, ficou com 53 pontos e encerrou a competição na quarta colocação por Pontuação Geral Escolar.
Judô
Os judocas sul-mato-grossenses buscaram seis medalhas (2 ouros, 1 prata e 3 bronzes) nos tatames do Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro. O resultado fez com que o Estado terminasse no quinto lugar por Pontuação Geral Escolar, com 34 pontos. No total, cinco atletas levaram o nome de Mato Grosso do Sul nas disputas.
Bocha paralímpica
A bocha paralímpica somou três medalhas (1 ouro, 1 prata e 1 bronze) em São Paulo-SP. Mato Grosso do Sul, representado por sete atletas, encerrou sua participação nas Paraesc 2019 como vice-campeão na classificação por Pontuação Geral Escolar, ao obter 37 pontos. O Distrito Federal, com 57, foi o primeiro colocado e Minas Gerais, somando 26, o terceiro.
Parabadminton
Os atletas sul-mato-grossenses estrearam a todo vapor no parabadminton. A modalidade, originada na Índia e praticada com raquete e birdie (espécie de peteca), foi incluída pela primeira vez nas Paralimpíadas Escolares. Mato Grosso do Sul fechou a competição com duas medalhas (1 ouro e 1 bronze) e 23 pontos, que o colocaram na quarta colocação por Pontuação Geral Escolar. A equipe teve quatro atletas.
A edição 2020 do evento paradesportivo está marcada. As disputas acontecem de 23 a 28 de novembro no mesmo local.

Veja Também