Menu
29 de março de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Esporte

Decisão sobre abertura do Morenão sai até sexta-feira

Local recebeu melhorias como a implementação de câmeras, troca de guarda-corpos, extintores e outros

22 Jan2020Da redação15h30

A abertura do estádio Morenão, em Campo Grande, deverá ser decidida até sexta-feira, 24 de Janeiro, quando o promotor Luiz Eduardo Lemos vai deliberar sobre o assunto. O estádio é o maior de Mato Grosso do Sul e para receber jogos do Campeonato Estadual de futebol depende da avaliação do Ministério Público.

O Morenão passou por uma série de vistorias resultando em quatro laudos – engenharia, segurança, incêndio e pânico e vigilância sanitária – que foram entregues nesta quarta-feira, 22 de Janeiro, ao promotor.

“A legislação é bem rigorosa e nós primamos pela segurança do torcedor-consumidor. Até sexta-feira é o prazo que eu estimo seja suficiente para análise e deliberação desses laudos”, explicou o promotor.

Para garantir a abertura do estádio com segurança para os torcedores, foram feitas diversas melhorias como o recapeamento do asfalto em frente ao estádio, implementação de um sistema de monitoramento de câmeras, troca de guarda-corpos, extintores, iluminação de emergência, limpeza dos banheiros e vestiário dos atletas e a desocupação da sala dos árbitros, que estava com entulhos.

Caso seja liberado para o Campeonato Estadual, o primeiro jogo no Morenão deverá ser realizado no dia 1º de fevereiro, às 15h, entre Comercial e Águia Negra.

O secretário especial de Gestão Política da Capital, Carlos Alberto de Assis, acompanhou a entrega dos laudos pelos órgãos como Policia Militar e Corpo de Bombeiros Militar, todos favoráveis à abertura do estádio para o Campeonato Sul-mato-grossense, ainda que parcialmente.

No caso do documento emitido pelos bombeiros, a indicação é para a abertura para um público de até 13 mil pessoas.

Arena multiúso - Assis lembrou que após a competição, o estádio será reformado e transformado em uma arena multiúso, com investimento do Governo do Estado.

“Essa primeira etapa foi concluída com a entrega dos laudos. O campeonato transcorre normalmente; se Deus quiser, aqui no Morenão. O Ministério Público deve dar esse OK e, a partir disso, a Agesul [Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos], junto com o corpo de engenharia aqui da UFMS [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul], vai finalizar o projeto para licitar as obras para a reforma do Morenão para que se torne uma grande praça de eventos, não só para o futebol, mas também com outras atividades”, disse o secretário especial.

 

Veja Também

Atividade física em casa é alivio para quem está na quarentena
Organizadores locais de Tóquio 2020 já avaliam hipótese de adiamento
Quarentena: Funesp cria programa espotivo para fazer em casa
Pesquisa mapeia estilo de vida da população em relação à prática esportiva
Federações estaduais suspendem campeonatos Gaúcho e Paulista
Seletiva Estadual Escolar de Atletismo será nos dias 28 e 29 de março
Pantanal Sobre Rodas representa MS em torneio de basquete
Circuito de Beach Tennis 2020 tem primeira etapa no fim de semana
Parque das Nações Indígenas recebe 15ª Corrida da Paz
Karateca de MS garante vaga na seleção brasileira pelo quinto ano consecutivo