Menu
23 de abril de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Super Banner SEGOV - VALE UNIVERDADE
Não deu

Corumbaense empata e fica fora da Copa do Brasil

Para continuar na competição o Galo precisava de uma vitória

7 Fev2019Da redação17h17

O Corumbaense Futebol Clube está fora da Copa do Brasil. Só a vitória interessava ao Galo Pantaneiro, que acabou empatando em 0x0 com o Luverdense- MT, na noite de quarta-feira, 06 de fevereiro, no Estádio Arthur Marinho, em Corumbá. O adversário, que jogou com o regulamento a seu favor, já que precisava apenas do empate para seguir na competição, foi bastante pressionado.

Nos primeiros 15 minutos de jogo, o time da casa ditou o ritmo de jogo não dando chance ao Luverdense para a saída de bola. Já nos primeiros minutos de partida, Juninho cruzou para a área e Lucas cabeceou no canto direito do goleiro, mas a bola foi para fora. Logo em seguida, na saída errada do adversário, Frankilin aproveitou a oportunidade e chutou para o gol, com defesa do goleiro Edson.

Outra chegada perigosa foi quando Aleksandro sofreu falta e Juninho cobrou direto para a área, terminando com finalização de Frankilin. Com a posse de bola a todo o momento, o Corumbaense chegava, mas faltava finalizar. O Luverdense a ofereceu perigo na cobrança de falta, mas foi defendida por Adilson. Nos minutos finais da primeira etapa, o Luverdense foi mais pressionado, com chegadas perigosas, mas não foi o suficiente. 

No segundo tempo, com o mesmo esquema de jogo, o Carijó seguiu com a posse de bola e levando perigo ao gol do Luverdense. Aos nove minutos, o técnico Zé Humberto mexeu e deu mais velocidade ao time, com a entrada de Romarinho, no lugar de Jairo Paraíba. Ainda foram substituídos Frankilin, que saiu para a entrada de Pato e Edinho no lugar de Juninho.

Veloz, o time chegava com jogadas pelo canto esquerdo e direito. Aos 29 minutos, o Corumbaense teve a chance mais clara de gol, quando após cobrança de escanteio, Romarinho ficou com a sobra e bateu forte no canto direito do gol, mas o goleiro do Luverdense fez a defesa.

Mesmo pressionado, o Luverdense recuou e só  esperava o final da partida. Os jogadores a todo o momento desabavam em campo para o desespero dos torcedores e também do Galo Guerreiro. O segundo tempo teve seis minutos de acréscimo, com pressão total do Corumbaense. Mas não deu. Final 0x0, Luverdense classificado. 

"Cabeça erguida"

Para o técnico, Zé Humberto, mesmo não conquistando a vaga, o time mostrou seu melhor futebol na temporada até o momento. “Faltou o gol, o goleiro deles fez boas defesas. Ditamos o ritmo, mas faltou concluirmos melhor. Eles jogaram com o regulamento a favor e temos que respeitar. Agora é pensar nos próximos compromissos e buscar bons resultados”, falou.

Romarinho, prata da casa, que entrou e quase fez o gol, enfatizou a sequência nos trabalhos. “Mostramos nosso futebol. Uma equipe que vai pra cima. O goleiro deles foi feliz em todos os lances criados. Mostramos a cara da nossa equipe nesse jogo e agora é pensar na sequência dos trabalhos. Saímos com cabeça erguida”, disse Romarinho.

Pato, que entrou no segundo tempo, agradeceu a presença da torcida. “Faltou a bola entrar. Jogamos pressionando e isso mostrou o futebol do Carijó. A torcida foi fundamental, nos apoiou a todo o momento. Agora é pensar no Estadual”, disse Pato aoDiário Corumbaense.

O próximo compromisso do Galo Pantaneiro será no domingo (10), pelo Estadual 2019. No Morenão, o Carijó enfrentará o ABC de Campo Grande, às 10h.

(Com informações do site de notícias Diário Corumbaense) 

Veja Também

Davi vende rifas para alcançar um sonho
Usuário de drogas é assassinado na madrugada
Próximo final de semana tem competição
Atletas conquistam medalhas em Competição Nacional
Pelé recebe alta após retirada de cálculo renal em hospital de SP
Funesp inicia inscrições para 41º edição dos Jogos Abertos
Exames detectam cálculo em ureter esquerdo de Pelé
Pelé é internado em São Paulo com infecção urinária
Confira programação completa da Copa Truck
Copa de futebol amador arrecada três toneladas de alimentos