Menu
26 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Esporte

Atletas de MS disputam sul-americano de vôlei de praia Bahia

Circuito 2018 começa nesta sexta-feira (19)

18 Jan2018Da redação19h00

A temporada 2018 do Circuito Sul-Americano de vôlei de praia terá seu saque inicial nesta sexta-feira (19.01). A primeira etapa acontece com o Grand Slam Nova Viçosa, cidade do litoral sul da Bahia que pela primeira vez sedia uma etapa internacional. Os jogos vão até domingo (21.01) e terão entrada franca na arena montada na Praia do Lugar Comum. O Brasil será representado por 12 duplas, sete no naipe feminino e cinco no torneio masculino.

Além do Grand Slam de Nova Viçosa, o Brasil também receberá a quinta etapa da temporada, o Grand Slam de Santa Cruz Calábria (BA), de 9 a 11 de março. Ao todo são seis etapas para os dois naipes, e dois torneios ‘Finals’ contando apenas com um naipe cada. O calendário completo pode ser acessado no site oficial da Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV), em http://voleysur.org/v2/calendario/calendario.asp.

A etapa brasileira do Sul-Americano contará com dois medalhistas olímpicos. Ricardo, campeão dos Jogos de Atenas-2004, além de prata em Sydney-2000 e bronze em Pequim-2008, e Juliana, medalha de bronze nos Jogos de Londres-2012.

Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), Maria Clara/Carol Horta (RJ/CE), Juliana/Andressa (CE/PB), Tainá/Victoria (SE/MS - Ivinhema), Josi/Lili (SC/ES), Rafaela/Fabíola (PA/BA) e Anne Catherine/Ana Carolina (RJ/MS – Três Lagoas) representam o país no torneio feminino. Duas duplas argentinas e representantes de Paraguai, Chile, Colômbia, Uruguai e Peru completam a lista.

Entrando parceria com Maria Clara, Carol Horta comentou a expectativa de defender o Brasil no torneio mais uma vez. A medalhista pan-americana, que mora em Fortaleza, viajou ao Rio de Janeiro para realizar período de treinamentos com a nova companheira.

“Estou bastante empolgada com essa nova dupla, acredito que nosso time vai ser muito competitivo e forte. E será ótimo poder participar do Sul-Americano para sentirmos o entrosamento, o que precisamos ajustar e ganhar mais ritmo para a etapa de Fortaleza (do Circuito Brasileiro). Vamos trabalhar muito para chegar bem na competição, apesar de pouco tempo de treino juntas”, analisou Carol Horta.

O naipe masculino contará com Ricardo/George (BA/PB), Thiago e Bruno de Paula (SC/AM), Fernandão/Ramon Gomes (ES/RJ), Hevaldo/Arthur (CE/PR) e João Pedro/Lucas Sampaio (PR/RJ). Equipes chilenas (duas), argentinas (duas) e representantes do Uruguai, Colômbia, Paraguai, Peru, Venezuela e Guiana Francesa completam a lista.

O ranking geral do Circuito Sul-Americano é feito apenas para os países, contando a pontuação da dupla mais bem colocada das nações em cada parada, mesmo que um país tenha mais de uma dupla no pódio. Os campeões de cada torneio somam 200 pontos, o vice, 180, o terceiro colocado, 160, reduzindo 20 pontos em cada posição seguinte.

Veja Também