Menu
22 de julho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega banner  Ministério  da Saúde - HEPATITE VACINAÇÃO E TESTE
Cultura

Sesc tem semana intensa, com concerto, música para bebês e cinema acessível

Última semana de junho no Sesc traz uma programação intensa, com ações em diversas linguagens da arte, incluindo cinema com lançamento do projeto

24 Jun2019Da redação11h05

A última semana de junho no Sesc Cultura traz uma programação intensa, com ações em diversas linguagens da arte, incluindo cinema com lançamento do projeto “Quintas de Suspense”, concerto musical, apresentação de viola de cocho elétrica e musicalização para bebês.

Abrindo a programação da semana, no dia 25 de junho terça-feira às 19h, tem a palestra “O que os computadores podem nos ensinar sobre música? A sinfonia da mente”, com o ministrante professor de Teoria, Análise e Cognição Musical pela UFMS, Luís Felipe Oliveira. O objetivo é debater com profissionais e acadêmicos da área de música as possibilidades e frustrações oferecidas pelas ferramentas computacionais aos estudos do pensamento e da emoção musical.

Na quarta-feira, 26, tem Clube de Leitura, às 19 horas, na Sala Multiuso. Desta vez, a obra em discussão será Urupês, de Monteiro Lobato. Lançado em 1918, descreve o caboclo na sua dimensão humana. Antecipa uma postura ecológica ao defender o meio ambiente e dá vida a Jeca Tatu, personagem símbolo que suscitou acalorados debates na imprensa da época. O clube tem reuniões mensais com momentos de diálogos e troca de impressões com leitores e especialistas sobre as obras e escritores brasileiros. Para se inscrever, basta ter cartão do Sesc Válido.

No Cine Sesc estreia nessa semana a sessão “Quintas de Suspense”, que dedica as últimas quintas-feiras de cada mês a sessões especiais de filmes de suspense. O primeiro filme a ser exibido, no dia 27 de junho, é “Festim diabólico”, (1948) de Alfred Hitchcock, história baseada em peça teatral de 1929 escrita pelo dramaturgo e romancista britânico Patrick Hamilton. A sessão começa às 19 horas.

Nas sessões regulares, 15h e 19h de quarta-feira (26/06) e 19 horas de sexta-feira (28/06), o longa “Uma noite em 67” (2010), dirigido por Ricardo Calil e Renato Terra. Na quinta-feira, 27, tem sessão “Cine Sesc acessível”, ás 15 horas, com audiodescrição e janela de Libras. O filme em exibição será o francês “Belle e Sebastian” (2015), de Nicolas Vanier.

Também às 19 horas tem Café Filosófico Sesc e Árvore-ser, com o tema “O impacto social da Poesia Falada”, sob coordenação de Thales Henrique, Helamã Reduá e Luciano Risalde, que são organizadores do Slam Campão, maior projeto de Poesia Falada de MS.

Música – Na "Quinta Instrumental" quem se apresenta, às 20 horas, na Sala de Música, é a “Camerata de Cordas da UFMS”, com regência da musicista Ana Lúcia Gaborim, professora do Curso de Música da UFMS. A Camerata foi criada em 2009, formada por docentes, alunos e egressos da instituição e por músicos da comunidade. Os ingressos serão distribuídos uma hora antes do início da apresentação, limitados à capacidade do espaço, para 80 pessoas.

O "Sesc Palco 22” leva ao átrio, às 20 horas de sexta-feira, 28, a performance "Cocho Elétrico", espetáculo que hibridiza performance e audiovisual à música experimental, eletrônica e rock, com a utilização de beats, bases e samples de Claudio Manoel/Angelis Sanctus, somados aos sons do Cocho Elétrico, a viola-de-cocho eletrificada e tocada por Rodolfo Ikeda, também vocalista, letrista e cineasta responsável pelos vídeos projetados durante a apresentação.

Sábado, 29, às 16h30, tem musicalização para bebês, aula voltada a crianças de até 03 anos de idade em que a artista e educadora Andressa Chinzarian irá interagir com bebês e os pais através de canções e brincadeiras dentro do universo lúdico e musical. A participação é gratuita e os ingressos serão distribuídos uma hora antes da ação.

Veja Também