Menu
24 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Economia

Projeto quer limitar o uso de dígitos no valor dos combustíveis em MS

Formatação do preço do combustível deve ser limitada a dois dígitos de centavos

12 Set2017Da redação17h52

O deputado estadual Lídio Lopes (PEN) apresentou na sessão desta terça-feira (12/9) Projeto de Lei que dispõe sobre a formatação de preços ao consumidor de combustíveis em Mato Grosso do Sul.

Na prática, a proposta prevê que a formatação do preço do combustível deve ser limitada a dois dígitos de centavos. A divulgação será feita na bomba de abastecimento e em cartazes e letreiros que indicarão o valor do produto.

“A utilização de três dígitos após a vírgula confunde e pode lesar os consumidores. O uso de dois dígitos deixa mais explicito o valor correto do produto oferecido. A própria Agência Nacional do Petróleo proíbe o uso de três dígitos”, destacou o parlamentar.

O não cumprimento da norma implicará em sanções previstas no artigo 57 da Lei Federal nº 8.078 de 11 de setembro de 1990. A fiscalização será de responsabilidade do Departamento Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon). 

O projeto de lei segue para análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), antes de ser apreciada em plenário. 

Veja Também

Fábrica de papéis pode se instalar em Três Lagoas após votação na Câmara
Maggi vai tratar com Rússia e China sobre embargo à carne brasileira
Procon divulga nova pesquisa sobre preços de combustíveis
Copa e namorados impulsionaram compras
Economia Copom inicia hoje reunião para definir taxa Selic Meta de inflação, que é de 4,5% neste ano, com limite inferior de 3% e superior de 6%
MS bate recorde na contratação do FCO em cinco meses em 2018
Confederação prevê nas vendas do setor de serviços em 2018
Copa do Mundo pode movimentar mais de R$ 20 bilhões
Exportações de MS crescem 45%
Caixa divulga novo calendário de pagamento do PIS