Campo Grande •20 de Janeiro de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Agência Brasil | Domingo, 16 de Outubro de 2016 - 10h30Produção global de alimentos precisaria aumentar 60% para garantir equilíbrioCerca de 3% da população brasileira vive em situação de vulnerabilidade alimentar

Aumento da produção é necessário para garantir segurança alimentar à população do planeta, que chegará a 9 bilhões em 2050.
Aumento da produção é necessário para garantir segurança alimentar à população do planeta, que chegará a 9 bilhões em 2050. (Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil)

Na data em que se comemora o Dia Mundial da Alimentação, dia 16, a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) destaca que, com as mudanças climáticas, o desafio de alimentar uma crescente população mundial aumenta. Segundo o representante da entidade no Brasil, Alan Bojanic, a seca fez com que o Nordeste do Brasil perdesse 50% de sua produção nos últimos cinco anos, se comparado com os cinco anteriores.

Com o tema “O clima está mudando. A alimentação e a agricultura também devem mudar” como destaque da data em 2016, a FAO estima que o número mundial de habitantes vai superar os 9 bilhões em 2050. Segundo o órgão internacional, a produção mundial de alimentos precisaria aumentar em 60% para assegurar o equilíbrio da segurança alimentar.

“Precisamos ver resposta para esse problema. Precisamos de uma agricultura mais adaptativa, diferente, que seja sustentável, ambientalmente amigável e essa agricultura precisa de muita pesquisa. Precisamos de mais variedades de alimentos que aguentem as variações de precipitação, de calor, de frio, problemas de enchente. Uma agricultura adaptativa a essas mudanças climáticas”, ressalta Bojanic.

Segundo a FAO, cultivar alimentos de forma sustentável significa adotar práticas que produzam mais com menos insumos na mesma área e usem recursos naturais com sabedoria. Significa, também, reduzir o desperdício, com melhor colheita, armazenagem, embalagem, transporte, infraestrutura e comércio.

Mesmo com uma produção eficiente, o representante da FAO defende políticas públicas que facilitem o acesso dos mais pobres ao alimento. “Você pode produzir na quantidade suficiente, mas pode não ter acesso, ou seja, pode não ter segurança alimentar para todos. É importante ter equilíbrio entre acesso e produção no contexto nas mudanças climáticas”, destaca Bojanic.

No Brasil, cerca de 3% da população vive em situação de vulnerabilidade alimentar. “O Brasil saiu do mapa da fome em 2014 por causa de políticas públicas que facilitaram o acesso aos alimentos, principalmente alimentação escolar, que é uma chave para acesso, mas também transferência de renda, fortalecimento da agricultura familiar, o apoio à população da região semiárida com cisternas e carros-pipa”, acrescenta Bojanic.

Veja Também
Quinta, 19 de Janeiro de 2017 - 11h57Prévia da inflação oficial é a mais baixa para meses de janeiro desde 1994 É a taxa mais baixa para meses de janeiro desde 1994, quando foi criado o Plano Real
Quinta, 19 de Janeiro de 2017 - 10h27Preços ao produtor e ao consumidor pressionam inflação do aluguel, diz FGV Em igual período do mês anterior, a 2ª prévia de dezembro, a alta foi 0,41%
Financiamento de carros teve queda de 10,6%
Feira da Indústria de Calçados de MS
Relatório da ONU indica modesta recuperação da economia mundial em 2017
Segunda, 16 de Janeiro de 2017 - 09h18Mercado projeta 9,75% ao ano para Selic em 2017 Atualmente, a taxa está em 13% ao ano
Segunda, 16 de Janeiro de 2017 - 08h25Cartilha vai orientar empregadores e empregados do setor produtivo Criação da cartilha foi decidida após um pedido do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços
Comércio teve aumento de vendas em dezembro
Sexta, 13 de Janeiro de 2017 - 17h59Valor das parcelas do seguro desemprego tem aumentou de R$ 101,48 em 2017 Reajuste tem como base a variação do INPC de 2016
Inflação entre idosos fecha 2016 em 6,07%, abaixo da média global do país
square noticias uci
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento