Campo Grande •17 de Dezembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner SEGOV - Governo Presente 3 DETRAN/DESAFINADOS

Da redação | Quarta, 12 de Abril de 2017 - 11h50Procon mede a variação de preços da PáscoaPeixes tem diferença de até 112% e chocolates de 73%

Preços do pescado tem variação de mais de 100%
Preços do pescado tem variação de mais de 100% (Foto: Arquivo Diário Digital)

A segunda pesquisa de preços de peixes da Páscoa 2017, realizada pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), divulgada nesta quarta-feira (12.4), aponta variação de até 112% nos preços dos pescados comercializados em estabelecimentos de Campo Grande. Já os valores dos ovos de chocolates variam até 73% de um supermercado para outro.

O superintendente do Procon/MS, Marcelo Salomão, salienta que o levantamento, tanto dos ovos de Páscoa quanto dos peixes inclui uma análise comparativa com a primeira pesquisa realizada em março deste ano, com o objetivo de verificar a variação dos preços com a proximidade do feriado da Páscoa. “A intenção da pesquisa é contribuir para que o consumidor saiba em quais estabelecimentos será possível economizar”, ressalta.

A pesquisa dos peixes foi realizada em 16 estabelecimentos comerciais da Capital entre os dias 1º e 6 de abril e a dos chocolates de 1º a 7 de abril em nove supermercados. As tabelas completas podem ser acessadas no site do Procon/MS, no item Pesquisas de Preços.

Pescados

A maior variação na cotação é a do dourado inteiro, encontrado por preços que vão de R$ 18,79 a R$ 39,90 o quilo, uma variação de 112% entre os estabelecimentos que ofertam os maiores e os menores preços. Nessa coleta, foram pesquisados 42 itens entre peixes de água doce, salgada e diferentes tipos de bacalhau.

Dentre os itens comparados nos dois levantamentos, de março e de abril, 20 tiveram redução dos preços médios verificados em relação à pesquisa de março deste ano, entre 0,81% e 31,32%. O produto com maior queda de preço foi o salmão de 500g, que era encontrado, em média, por R$ 41,64 e nessa pesquisa está custando R$ 28,60, em média, com preços entre R$ 20,98 e R$ 35,98.

Ovos de chocolate

O levantamento de preços dos ovos de chocolate inclui 92 itens pesquisados em nove estabelecimentos da Capital. O produto com maior variação de preço é o Bis Meio a Meio de 530g, que foi encontrado com preços de R$ 34,90 a R$ 60,40, o que corresponde a uma variação de 73%. No entanto, a média de variação entre todos os itens pesquisados é de 20,41%. Na pesquisa é possível saber ainda quais estabelecimentos ofertam o maior número de itens com menor preço.

Com relação à comparação entre a primeira pesquisa de chocolate, cotada entre os dias 13 e 21 de março, e a divulgada nesta semana, é possível constatar que a maior variação foi de cerca de 26%. Sete itens tiveram aumento do preço médio no período; 10 mantiveram o preço e 53 itens tiveram redução no preço ofertado ao consumidor. O Laka Meio Diamante Negro de 205g, na época da primeira pesquisa, estava sendo vendido, em média, por R$ 57,10 e agora pode ser encontrado por R$ 24,99, uma queda de cerca de 56% no preço.

Veja Também
Instituto Biomassa de MS vai atender empresas de todo o País
Lideranças empresariais recebem certificação em excelência sindical
Caminhão Quita Fácil da Caixa chega a Campo Grande
IPVA: entenda como é calculado o tributo e com base em que valores
Sexta, 15 de Dezembro de 2017 - 09h05Receita paga hoje o último lote do ano de restituição do Imposto de Renda Lote contempla cerca de 1,9 milhão de contribuintes, que vão receber R$ 2,88 bilhões
Programa que dá desconto a devedores é prorrogado
Voo internacional vai conectar Campo Grande a nove países
Energisa abre agência neste sábado para negociar débitos dos clientes
Quinta, 14 de Dezembro de 2017 - 10h52Em 2015 sete municípios respondiam por 25% do PIB do país, mostra IBGE Números indicam que, em 2015, esses sete municípios concentravam cerca de 14,3% da população brasileira
Quarta, 13 de Dezembro de 2017 - 10h48Comércio varejista tem queda de 0,9% em outubro Recuo ocorreu depois de uma alta de 0,3% observada em setembro, na comparação com o mês anterior
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
Rec banner - Patio central
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento