Menu
21 de setembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Economia

Preços de alimentos provocam queda do IPC-S em agosto

Três grupos de despesa tiveram alta: transportes; educação, leitura e recreação; comunicação

6 Set2019Agência Brasil17h54

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) ficou em 0,17% em agosto deste ano, taxa inferior ao 0,31% de julho.

Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), a queda da taxa foi provocada principalmente pelos alimentos, que registraram redução de preços (deflação) de 0,36% em agosto, ante uma inflação de 0,35% em julho.

Também registraram queda na taxa os grupos de despesas habitação (de 1,02% em julho para 0,81% em agosto), vestuário (de -0,24% para -0,29%), saúde e cuidados pessoais (de 0,38% para 0,18%) e despesas diversas (de 0,35% para -0,05%).

Três grupos de despesa tiveram alta: transportes (de -0,48% para 0,13%), educação, leitura e recreação (de -0,03% para 0,13%) e comunicação (de 0,03% para 0,38%).

Veja Também

Frigorífico será reaberto e vai gerar até 460 empregos
Nova indústria de Três Lagoas é a primeira a beneficiar fibra curta de celulose
Conselho do FCO aprova R$ 335 milhões a mais para empreendedores de MS
Pagar conta e reformar imóvel será destino de dinheiro do FGTS em MS
MS lidera produção de eucalitpo
Pioneiros e Coronel Antonino recebem orientações gratuitas sobre empreendedorismo
BID quer firmar novas parcerias com o Estado
Arábia Saudita vai comprar mais produtos agrícolas do Brasil
Presidente da Fecomércio MS palestra no Café com Negócios
Receita libera 4º lote