Campo Grande •13 de Dezembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner Governo do estado - Campanha Mudança 2

Da Agência Brasil | Segunda, 10 de Abril de 2017 - 12h20Mercado financeiro espera que Selic caia para 11,25% na quarta-feiraFocus é divulgado às segundas-feiras

Instituições financeiras, consultadas pelo Banco Central (BC), esperam que a taxa básica de juros, a Selic, seja reduzida em 1 ponto percentual indo para 11,25% ao ano, na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), marcada para amanhã (11) e quarta-feira (12), em Brasília.

A expectativa consta do boletim Focus, uma publicação elaborada todas as semanas pelo BC com base em projeções de analistas de instituições financeiras para os principais indicadores econômicos. O Focus é divulgado às segundas-feiras.

A projeção para a taxa ao final de 2017 foi reduzida de 8,75% ao ano para 8,50% ao ano. Para o fim de 2018, a expectativa segue em 8,50% ao ano.

Com a inflação mais baixa, o BC tem indicado que pode intensificar os cortes na taxa básica de juros. Em fevereiro, o Copom anunciou o quarto corte seguido na taxa. Por unanimidade, o colegiado reduziu a Selic em 0,75 ponto percentual, de 13% ao ano para 12,25% ao ano. Esse foi o segundo corte seguido de 0,75 ponto percentual. A redução da taxa Selic estimula a economia porque juros menores impulsionam a produção e o consumo em um cenário de baixa atividade econômica.

Projeção para a inflação

A estimativa do mercado financeiro para inflação caiu pela quinta vez seguida. Desta vez, a projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) foi levemente ajustada de 4,10% para 4,09%.

A projeção para a inflação este ano está abaixo do centro da meta, que é 4,5%. A meta tem ainda limite inferior de 3% e superior de 6%. Para 2018, a estimativa passou de 4,5% para 4,46%.

A projeção de instituições financeiras para o crescimento da economia (Produto Interno Bruto – PIB – a soma de todas as riquezas produzidas pelo país) este ano foi alterada de 0,47% para 0,41%. Para o próximo ano, a estimativa segue em 2,5%.

Veja Também
Quarta, 13 de Dezembro de 2017 - 10h48Comércio varejista tem queda de 0,9% em outubro Recuo ocorreu depois de uma alta de 0,3% observada em setembro, na comparação com o mês anterior
Sicredi disponibiliza financiamento de seguro agrícola para associados
Indústria 4.0 deve atingir 21,8% das empresas brasileiras em uma década
IPTU da Capital ficará 2,56% mais caro em 2018
Segunda, 11 de Dezembro de 2017 - 10h01Índice usado em contratos de aluguel acumula queda de 0,68% em 12 meses Apesar da deflação acumulada, o IGP-M registrou alta de 0,73% em dezembro, taxa superior ao -0,02% da prévia de novembro
Transporte e habitação fazem inflação subir na Capital
Sexta, 8 de Dezembro de 2017 - 12h28Receita abre consulta ao sétimo desde lote de restituição do IRPF de 2017 Imposto contempla 30.300 contribuintes de Mato Grosso do Sul
Arrecadação do Refis de MS chega a 70 milhões
Receita abre consulta ao último lote de restituição do Imposto de Renda 2017
Empregadores têm até hoje para fornecer informações ao Caged
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
DothNews
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento