Campo Grande •28 de Maio de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da Agência Brasil | Terça, 16 de Maio de 2017 - 09h59Inflação pelo IGP-10 volta a fechar com deflação e acumula –0,81% no anoResultado é reflexo do comportamento dos preços do grupo de Matérias-Primas Brutas

O Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) voltou a fechar com deflação (inflação negativa) em maio, ao variar -1,1%, depois de ter encerrado abril também com inflação negativa de 0,76%.

Os dados relativos ao IGP-10 foram divulgados hoje (16), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). Em maio de 2016, a variação foi de 0,6%.

Com a deflação de maio, o IGP-10 acumula nos primeiros cinco meses do ano (janeiro a maio) inflação negativa de 0,81%. Já a taxa acumulada nos últimos 12 meses continua positiva em 2,14%.

Preços ao Produtor - A inflação negativa de maio foi mais uma vez impactada pela variação dos preços ao produtor, que voltaram a fechar com deflação. Segundo os dados divulgados, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) variou -1,74%, em maio, depois de ter registrado em abril taxa negativa de 1,29%. O IPA responde por 60% da composição do IGP-10.

O resultado é reflexo, principalmente, do comportamento dos preços do grupo Matérias-Primas Brutas, que registrou em maio deflação de 5,46%, depois de ter acusado em abril inflação negativa de 3,49%.

Contribuíram para a desaceleração do grupo os itens: minério de ferro (-0,66% para -13,57%), cana-de-açúcar (-0,38% para -2,66%) e leite in natura (4,75% para 1,39%). No sentido contrário, destacaram-se os itens soja (em grão) (-8,23% para -1,80%), milho em grão (-12,33% para -9,62%) e bovinos (-1,75% para -0,92%). Apesar da alta entre um mês e outro, todos os grupos tiveram variações negativas de preços.

O grupo Bens Intermediários também registrou variação negativa em maio frente a abril, embora de menor magnitude: -0,38%. No mês anterior, a taxa havia sido de -0,81%.

A principal contribuição para a taxa menos negativa partiu do subgrupo combustíveis e lubrificantes para a produção, cuja taxa passou de -2,39% para -0,15%. Já o grupo Bens Finais registrou em maio alta de 0,18%. A variação foi menor do que o 0,21%, de abril.

Único a fechar o mês em alta, também o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) registrou variação menor em maio, com variação de 0,21% ante 0,42% em abril. Quatro das oito classes de despesa componentes do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação, com destaque para o grupo Alimentação (0,92% para 0,23%).

Também fecharam com variações menores de preços em maio frente a abril os grupos Habitação, cujos preços caíram de 0,6% para 0,03%; Educação, Leitura e Recreação (0,22% para -0,61%) e Despesas Diversas (0,64% para 0,17%).

Custo da construção também cai - Também com variação negativa de preços, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) registrou, em maio, deflação de 0,02%, a mesma do mês anterior. O índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços acusou variação de -0,06%. No mês anterior, a taxa havia sido de -0,04%.

O IGP-10 é calculado com base nos preços coletados entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.

Veja Também
Missão Food Brasil
Caiu o consumo de carne
Contas de luz de junho terão bandeira verde, sem acréscimo na tarifa
Troca de experiências e negócios em cafeteria
Feira de imóveis é oportunidade de comprar casa própria a partir de R$ 100 mil
CDL-CG e Sebrae realizam Missão Food Brasil
Quinta, 25 de Maio de 2017 - 13h07Taxa de juros do rotativo do cartão de crédito cai para 422,5% ao ano Queda em relação a março, foi de 67,8 pontos percentuais
Quinta, 25 de Maio de 2017 - 10h30Confiança do Comércio recua em maio depois de cinco altas consecutivas Resultado ocorre após cinco altas consecutivas, período em que indicador acumulou crescimento de 11,1 pontos
Quarta, 24 de Maio de 2017 - 12h25Lucro da Caixa cresce 81,8% no primeiro trimestre deste ano Ao final de março, a Caixa possuía R$ 2,2 trilhões em ativos administrados
Conta de luz pressiona inflação, diz FGV
Vídeos
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento