Campo Grande •24 de Março de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Terça, 4 de Outubro de 2016 - 13h35Frigoríficos voltam a gerar emprego em MS13 municípios de Mato Grosso do Sul irão exportar carne in natura para a União Europeia

A recente decisão da União Europeia (UE) de autorizar 13 municípios de Mato Grosso do Sul, da região de fronteira com o Paraguai e a Bolívia, que faziam parte da antiga Zona de Alta Vigilância (ZAV), a vender carne bovina in natura para os países da EU. São medidas que deverão alavancar a indústria frigorífica de MS, gerando emprego e renda nesse mês de outubro. A previsão é de Rinaldo Salomão, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins de Campo Grande e Região (STIAA/CG).

“Estamos muito otimistas com a volta de centenas de empregos que foram perdidos ao longo de mais de ano em nosso Estado”, afirma o sindicalista.

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, e a embaixadora norte-americana no Brasil, Liliana Ayalde, trocaram as Cartas de Reconhecimento de Equivalência dos Controles de Carne Bovina, que marcam a abertura de mercado para carnes in natura entre os dois países, em recente solenidade no Palácio do Planalto, que contou com a presença do presidente Michel Temer, e do ministro das Relações Exteriores, José Serra, além de parlamentares ligados à agropecuária e de representantes do setor produtivo.

Em Mato Grosso do Sul, a área autorizada pela União Europeia conglomera os municípios de Corumbá e Ladário, bem como a região localizada a 15 quilômetros das fronteiras das cidades de: Porto Murtinho, Caracol, Bela Vista, Antônio João, Ponta Porã, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas, Japorã e Mundo Novo. O restante do estado já tinha permissão para exportar carne in natura para a UE desde 2008.

Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), o estado embarcou para a UE no acumulado de janeiro e maio de 2016, 2,730 mil toneladas de carne bovina, representando 6,06% do total do produto exportado por Mato Grosso do Sul no período, que foi de 44,995 mil toneladas.

Veja Também
JBS suspende produção em frigoríficos de MS
UE e 14 países suspendem compra de carne brasileira
Quinta, 23 de Março de 2017 - 11h43Terceirização irá ampliar mercado para os pequenos negócios Presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, comemorou votação da Câmara
Capital terá novo polo empresarial e escritório em SP
Frentistas de MS conquistam piso salarial de R$ 1.167,60
Quarta, 22 de Março de 2017 - 08h25Petrobras vai manter redução de custos e atual política de preços, diz Parente Para ele, essa decisão dá à Petrobras “um quadro de previsibilidade importante”
Energisa MS sobe 11 posições no ranking da Aneel
Passagens do transporte intermunicipal são reajustadas
Capital promove primeiro Fórum do Prodes nesta quarta-feira
Intenção de consumo das famílias sobe 0,9% em março
Square Banner Sicredi
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - cirurgia.net
DothNews
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento