Menu
24 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Governo do Estado - Gestão por Competência
Economia

Empregados no comércio de MS querem 15% de reajuste salarial

Segundo sindicato, percentual é justo, pois cobre as perdas para a inflação do período

13 Out2016Da redação14h40

Trabalhadores no comércio e serviços de Mato Grosso do Sul querem 15% de reajuste salarial para vigorar a partir de 1º de novembro, data base da categoria. O pedido já foi encaminhado à classe patronal (Fecomércio), pela Federação dos Empregados no Comércio e Serviços do Estado de Mato Grosso do Sul – Fetracom/MS.

“Esse percentual é justo, pois cobre as perdas para a inflação acumulada no período, em torno de 10% e dá um ganho real de 5%  aos empregados”, justifica Pedro Lima, presidente da federação laboral que representa os trabalhadores em do comércio varejista, supermercadistas e outros, em mais de 60% dos municípios do Estado.

Nas cidades onde existem sindicatos dos comerciários, como Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Corumbá, Paranaíba, Aquidauana, Maracaju, Naviraí, Ponta Porã e Nova Andradina, a negociação com a classe patronal é feita pelo próprio sindicato. Nas demais cidades, pela Fetracom, explica Pedro Lima que preside também o Sindicato dos Empregados no Comércio de Dourados – Secod.

(Com informações da assessoria de imprensa do sindicato)

Veja Também

Em MS, 70% vão às compras para o Dia das Mães
Governo pode adiar reajuste dos servidores, diz ministro da Fazenda
Brasil terá perda de 30% nas exportações de frango para a Europa
MS tem dois frigoríficos embargados pela Europa
Petrobras aumenta preços de combustíveis nas refinarias
MS teve recorde de exportação
Banco Central estuda criar sistema de pagamento instantâneo
Economia Confiança do empresário recua pela primeira vez após oito meses No cálculo do índice, valores abaixo de 50 pontos indicam falta de confiança do empresário
Contribuinte pode obter ajuda para declarar IR no Pátio Central
Projeto garante isenção de IR para indústrias de MS