Campo Grande •22 de Setembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner Rota das Estações - Primavera

Agência Brasil | Segunda, 9 de Janeiro de 2017 - 20h40Dólar cai e volta a fechar no menor valor em dois mesesCotação está no menor nível desde 8 de novembro de 2016 (R$ 3,167), dia das eleições norte-americanas

(Foto: Divulgação/Agência Brasil)

Em um dia de tranquilidade no mercado financeiro brasileiro, a moeda norte-americana caiu e voltou a fechar no seu valor mais baixo em dois meses. O dólar comercial encerrou esta segunda-feira (9) vendido a R$ 3,197, com queda de R$ 0,025 (-0,78%). A cotação está no menor nível desde 8 de novembro de 2016 (R$ 3,167), dia das eleições norte-americanas.

A cotação chegou a abrir em pequena alta nessa segunda, mas inverteu a tendência ainda durante a manhã e passou a cair. A divisa acumula queda de 1,63% nos primeiros dias de 2017.

Com a posse de Donald Trump marcada para o dia 20, o dólar pode voltar a subir nos próximos dias por causa da expectativa com a trajetória dos juros nos Estados Unidos. A ata da última reunião do Federal Reserve (espécie de Banco Central norte-americano), em dezembro, mostrou que o órgão deve aumentar os juros da maior economia do planeta em até três vezes este ano, caso o governo Trump eleve os gastos públicos.

No Brasil, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) reúne-se esta semana para definir a taxa Selic (dos juros básicos da economia). Segundo o boletim Focus, pesquisa com analistas de mercado divulgada pelo Banco Central, a autoridade monetária deve reduzir a taxa pela terceira vez seguida. Juros mais baixos no Brasil e mais altos nos EUA tendem a atrair capitais para países desenvolvidos.

No mercado de ações, o dia foi de estabilidade. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou com valorização de 0,06%, aos 61,7 mil pontos. As ações da Petrobras, as mais negociadas, encerraram com queda. Os papéis ordinários (com direito a voto em assembleia de acionistas) fecharam em baixa de 0,97%. As ações preferenciais (com preferência na distribuição de dividendos) caíram mais: 2,11%.

Veja Também
Pesquisa estuda produção de energia alternativa em MS
CDL divulga nota de repúdio à Lei da Inadimplência
Quinta, 21 de Setembro de 2017 - 12h04Servidores vestidos de preto fazem protesto no Banco Central Funcionários querem apoio do BC para a aprovação da emenda 51
Expectativa de inflação dos brasileiros sobe para 6,7%, diz FGV
Supermercado troca desconto nas compras por bônus no celular
Em 2018, 41 municípios do Estado terão ICMS menor
Mercado reduz projeção de inflação
Segunda, 18 de Setembro de 2017 - 09h55PIB cresceu 0,6% no trimestre encerrado em julho, mostra FGV PIB acumulado em 2017 até o mês de julho, em valores correntes, alcançou o valor aproximado de R$ 3,78 trilhões
Domingo, 17 de Setembro de 2017 - 17h44Produtores rurais poderão renegociar dívida Com a renegociação produtores poderão conseguir novos créditos
Evento orienta empreendedores da Capital sobre créditos
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
Rec banner - Patio central
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento