Menu
22 de julho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega banner  Segov - Campanha Confiança
Economia

Estado emprestará dinheiro sem avalista e nem juros

Linha de microcrédito beneficia pequenos empreendedores formais ou informais

27 Jan2015Valdelice Bonifácio07h00
Em Campo Grande, interessados em obter crédito devem procurar a sede da Funtrab, na Rua 14 de Julho (Foto: Victor Chileno)
  • Diretor-presidente da Funtrab, Wilton Acosta, informa que governo lançará pacote de novas linhas de microcrédito no dia 10 de fevereiro
  • Em Campo Grande, interessados em obter crédito devem procurar a sede da Funtrab, na Rua 14 de Julho (Foto: Victor Chileno)
  • Wilton Acosta explica que diante de cenário nacional de incertezas governo estadual decidiu liberar crédito para fortalecer o pequeno empreendedor (Foto: Victor Chileno)
  • Artesãos de Mato Grosso do Sul podem contar com empréstimo da linha estadual de crédito  (Foto: Divulgação/Funtrab)
  • Dinheiro de linha estadual só é concedido mediante análise dos agentes de crédito, mas exigências são elementares (Foto: Victor Chileno)
  • Diretor-presidente da Funtrab revela que no dia 10 de fevereiro data do lançamento do pacote, ao menos 100 pessoas, já receberão o dinheiro emprestado (Foto: Victor Chileno)

Dinheiro emprestado de maneira fácil, rápida, sem juros e nem avalista. Uma condição difícil de se encontrar no mercado do crédito está sendo oferecida pelo governo do Estado através da Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab). A nova linha de microcrédito produtivo é dirigida a pequenos empreendedores formais ou informais. O dinheiro só é concedido mediante análise dos agentes de crédito que estudam cada situação, contudo, as exigências são básicas.

Quem solicitar até R$ 500 de empréstimo não paga juros, mas apenas a taxa anual de 8% ao ano. No caso do crédito de até R$ 1 mil, haverá taxa de juros de 1% ao mês, com bônus de 0,3% para pagamentos até o vencimento. Os prazos para pagamento variam de 10 a 12 meses. Não há necessidade de avalista. Porém, é preciso ter renda familiar comprovada de até dois salários mínimos e não estar com restrições cadastrais no SPC e Serasa.

Em entrevista ao Diário Digital, o diretor-presidente da Funtrab, Wilton Acosta, revelou que o governo lançará o pacote completo das novas linhas de crédito no dia 10 de fevereiro. Entretanto, a população já pode começar a fazer consultas nos Centro Integrados de Atendimento ao Trabalhador, os Ciats, na Capital e no interior. “Hoje, há um cenário nacional de incertezas econômicas. Temos um período de recessão e retração da economia, o que pode resultar em falta de vagas de trabalho. O governo do Estado decidiu intervir neste quadro oferecendo microcrédito ao cidadão”, afirmou.

A linha de crédito barata tem como público alvo pequenos empreendedores como manicures, artesãos, costureiras e outros microempresários. O governo do Estado vai disponibilizar inicialmente um montante de R$ 700 mil para esta linha de crédito podendo ampliar o valor para até R$ 2 milhões, dependendo da demanda. A ideia é que análise do pedido de crédito seja rápida. Em no máximo 15 dias, o empreendedor poderá ter acesso ao dinheiro.

No pacote de linhas de crédito do governo do Estado está inclusa ainda a possibilidade de emprestar valores maiores, de até R$ 10 mil. Porém, neste caso, as condições são as tradicionais do mercado. Os juros podem chegar a 1,8% ao mês, com a necessidade de avalista. Será possível pagar o empréstimo em até 18 meses, com carência mínima de três meses.

Capital - Em Campo Grande, os interessados no crédito podem comparecer à Funtrab (onde funciona o Ciat) com os documentos pessoais, comprovante de residência e comprovante de renda familiar de até dois salários mínimos no 1º andar da Rua 14 de Julho, 992, Vila Glória. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3320-1450, das 7h30 às 16h30.

Interior – No interior do Estado, 21 cidades já tem Ciats em funcionamento. É para lá que o interessado no crédito deve se dirigir para tentar o empréstimo. Os telefones são os seguinte: Anastácio (3245-0087/9285-7198);Aquidauana (9265-1177/8427/9219); Bataguassu (8172-2092/3541-2128); Cassilândia (8169-8368); Corumbá (9805-2886); Coxim (9651-5003/3291-6008);Dourados (8134-2346/8434-9843); Guia Lopes (9651-9767); Ivinhema (9664-5800);Itaquiraí (9297-4231); Maracaju (9628-0606); Naviraí (8455-1897); Nova Alvorada do Sul (9622-9087); Nova Andradina (9925-2450); Ponta Porã (9956-3623); Ribas do Rio Pardo (8112-5454); Rio Brilhante (9974-1332); Rio Verde (3292-5934/9654-2486/8154-9503); Sidrolândia (9628-2012) e Três Lagoas (9240-6364).

Veja Também