Menu
20 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Inadimplência

Consumidor está devendo menos

Índice de endividamento dos apresenta queda no mês de agosto

6 Set2017Laureano Secundo07h55

No mês de agosto o índice de endividamento dos campo-grandenses apresentou queda de quase 2%. De 59,3% em julho, para 57,9% em agosto, o que representa quase quatro mil endividados a menos. Número significativo, considerando a alta de mais de 6% em julho. Os dados fazem parte de uma pesquisa da PEIC (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor), realizada pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo). 

O percentual de endividados com contas em atraso também reduziu, de 35,8% em julho, para 34,9% em agosto. O número de quem não terá condições de pagar as contas praticamente não sofreu alteração, de 17,5% para 17,6%. O cartão de crédito continua sendo a principal fonte de endividamento, apontado por 62,4% das pessoas, seguido dos carnês, mencionados por 27,7% e crédito pessoal, 12,8%. A pesquisa aponta ainda que 64,3% dos que têm contas em atraso já estão com mais de 90 dias de pagamento vencido.

“Em julho o aumento do endividamento foi grande e agosto já começa a dar sinais de recuperação. Isso é muito importante, pois significa que o consumidor está conseguindo quitar suas dívidas, uma melhora no poder aquisitivo das famílias”, afirma o presidente do Instituto de Pesquisa da Fecomércio-MS (IPF-MS), Edison Araújo.

 

Veja Também