Campo Grande •27 de Junho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Agência Brasil | Quarta, 15 de Fevereiro de 2017 - 20h21Bolívia quer vender excedente de gás para outros mercados no BrasilPaís vizinho espera projeção da Petrobras até 15 de março

(Foto: Reprodução/Internet)

O ministro de Hidrocarbonetos da Bolívia, Luis Alberto Sánchez Fernández, disse hoje (15) que o excedente de gás do país que não está sendo consumido atualmente pela Petrobras poderá ser negociado com novos clientes no Brasil. Após reunião com o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, Fernández disse que a Bolívia quer negociar a venda de gás para outros mercados, como por exemplo, as termelétricas.

“Até 15 de março, a Petrobras vai nos dar uma projeção e, a partir dessa projeção, teremos a definição de outros mercados”, disse. Segundo o ministro boliviano, historicamente a Petrobras importa entre 28 milhões e 30 milhões de metros cúbicos (m³) de gás da Bolívia por dia, mas atualmente esse volume está em 15 milhões de m³/dia. “Em função dessa projeção, eu teria a capacidade de entregar outros volumes, fundamentalmente para empresas brasileiras”, disse.

Fernández não adiantou, no entanto, como será feito o acordo financeiro com a Petrobras se a estatal brasileira passar a receber menos gás da Bolívia. “Dentro dessa negociação, desses acordos, vamos tocar nesse tema, e ficará mais claro a partir de março.”

Segundo a Petrobras, a importação atual de gás da empresa Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos (YPFB) está em cerca de 45% do volume máximo diário. “A queda na importação reflete a redução conjuntural da demanda brasileira termelétrica e do mercado industrial, somada ao aumento da oferta de gás nacional, e está de acordo com as obrigações e direitos da Petrobras em seus contratos”, informou a estatal.

O Ministério de Minas e Energia disse que não vai se opor à venda do excedente de gás da Bolívia e vai dar todo o suporte necessário para a negociação com os agentes privados.

Veja Também
Licenciamento de veículos com placas finais 4 e 5 vence na sexta-feira
Governo flexibiliza recolhimento do ICMS
Uma alternativa para o produtor
Cotações do milho desanimam produtor
Sicredi disponibiliza R$ 14,8 bilhões para Plano Safra 2017/2018
Sexta, 23 de Junho de 2017 - 10h36Prévia da inflação oficial em junho é a menor para o mês desde 2006 Inflação oficial acumula taxa de 3,52% em 12 meses
MS perde quase 1000 vagas em maio
Quinta, 22 de Junho de 2017 - 11h35CNI: Confiança do empresário cai no mês de junho Pesquisa foi feita entre 1º e 12 de junho, com 2.958 empresas
Pesquisa inédita divulga preços de produtos juninos
Sicredi Centro-Sul MS levará agência móvel para municípios do interior
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothShop
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento