Menu
12 de novembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Alto consumo

‘Apagão’ atinge cidades de MS

Cidades tiveram fornecimento de energia parcialmente interrompido por determinação do governo

20 Jan2015Marcelo Varela10h45

Uma determinação do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para que distribuidoras de energia elétrica interrompesse o fornecimento em oito Estados e no Distrito Federal. Em Mato Grosso do Sul pelo menos oito municípios tiveram fornecimento interrompido: Três Lagoas, Brasilândia, Santa Rita do Pardo, Selvíria, Corumbá, Sidrolândia, Bodoquena e Campo Grande.

Conforme a concessionária Elektro, que opera na região de Três Lagoas, o corte de carga determinado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico foi de 6%, 190 MW e o fornecimento de energia foi interrompido durante 45 minutos, das 15h às 15h45. A empresa ainda informou, por meio de nota, que nenhum município - Três Lagoas, Brasilândia, Santa Rita do Pardo, Selvíria – ficou totalmente sem energia.

Sites da região de Três Lagoas relataram várias ocorrências com a interrupção do fornecimento de energia, entre elas a de que o Hospital Auxiliadora ficou sem energia. Ele foi alimentado por geradores locais. 

Já a Enersul, que opera em boa parte de MS, informou que o corte de carga do sistema foi realizado no período entre 13h54 e 14h43, seguindo os procedimentos operacionais vigentes no setor elétrico e atingiu 39 MW.

Foram afetados 1661 consumidores, dos quais 1266 em Corumbá e 391 em Sidrolândia, 1 em Bodoquena e 3 em Campo Grande.

Veja Também