Menu
20 de novembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Saúde
7 Nov 2019 14h11
Square Fernando - Drogaria São Leopoldo

Mamoplastia e aleitamento: é possível amamentar depois da cirurgia?

 

Uma das principais preocupações das mulheres que querem aumentar, diminuir ou alterar o formato das mamas é se poderão amamentar após a cirurgia.

Ao contrário do que muita gente pensa, as mulheres podem SIM amamentar normalmente, mas, é claro que cada caso é único e deve ser acompanhado de perto pelo cirurgião visando o bem-estar total da paciente e também do bebê.

Agora, vamos falar especificamente de cada procedimento cirúrgico e a relação com o aleitamento.

- Redução de mamas

Dizemos que nesse tipo de cirurgia ocorrerá uma mudança da arquitetura da mama. Como assim, doutor? Nessa cirurgia é realizada a redução do conteúdo glandular e de gordura das mamas, modificando também a posição dá aréola. Esses são os casos em que pode existir prejuízo da amamentação e devemos sempre alertar a paciente.

“Então, se eu reduzir as minhas mamas não conseguirei amamentar?”. Não é assim! Estudos indicam que uma média de 25% a 30% das pacientes relatam dificuldade ou impossibilidade de amamentação.

- Aumento de mamas

O implante de silicone não interfere na qualidade da amamentação, já que é colocado abaixo das glândulas mamárias ou músculo peitoral. Dessa forma, a arquitetura da mama não é alterada.

Outra preocupação bastante comum neste caso é se as mamas irão cair após a amamentação. Durante o aleitamento materno, os seios passam por grandes transformações e acabam sofrendo um desgaste natural.

E como fazer para evitar esse tal desgaste, doutor?

Temos algumas dicas básicas, como, por exemplo:

- Usar sutiã inclusive para dormir e procurar manter a postura correta;

- Passar diariamente hidratantes e óleos nas mamas para evitar estrias;

- Equilibrar o tempo de amamentação em cada seio;

- Evitar o famoso efeito sanfona.

Gostou do tema?

Envie suas dúvidas para que possamos estar sempre conectados e discutindo aquilo que mais provoque curiosidade. No nosso canal você é peça fundamental!

 

Voltar Compartilhar

DEIXE SEU COMENTÁRIO

200

Leia Também

Mais de Fernando H. Novaes