Menu
20 de fevereiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Polêmica

Prova de digitação é excluída de concurso

Objetivo é garantir celeridade e igualdade de competição entre os participantes, segundo o governo

10 Out2018Da redação13h54

A comissão organizadora do concurso da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul (PCMS) decidiu pela eliminação da prova de digitação do cronograma do concurso público para Agente de Polícia Judiciaria. O edital está publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (10.10). 

Em setembro, candidatos denunciaram o vazamento do conteúdo prova de digitação. Além disso, segundo eles ocorreram vários problemas técnicos no decorrer da aplicação da prova.

Conforme o governo, a eliminação da prova tem como objetivo é garantir a celeridade e igualdade de competição entre os 872 candidatos participantes da VI fase do certame e dar prosseguimento às próximas fases. A Deliberação está disponível nos sites da Academia de Polícia Civil do Estado de Mato Grosso do Sul, Acadepol/MS (acadepol.ms.gov.br) e da Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de de Mato Grosso do Sul, Fapems (fundacaofapems.org.br).

Veja Também

Concurso com 18 vagas para professor recebe inscrições até dia 25
Xico Graziano vem a Capital falar sobre desafios do agronegócio para jovens
Vagas para  ajudante de carga e descarga, motorista e outros
Vagas para auxiliar financeiro, eletricista, alinhador de rodas e açougueiro
IFMS oferece curso sobre estratégias de ensino para professores
Interior tem 456 vagas de emprego disponíveis
Colégio Elite MACE oferece bolsas para estudantes em MS
Prefeitura convoca 60 aprovados para assistente educacional inclusivo
Empresas têm cinco vagas para arquivista e 10 para motorista
UFGD oferece bolsas e auxílios para estudantes