Menu
21 de agosto de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
II Congresso de Empresas Familiares
Educação

Teatro do Novo Sesi de Três Lagoas será inaugurado na sexta-feira

Teatro conta com um espaço de 1,5 mil m² de área construída e uma capacidade de 346 pessoas

12 Dez2017Da redação13h54

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, inaugura, nesta sexta-feira (15/12), a partir das 19 horas, o Teatro José Paulo Rímoli, localizado no Novo Sesi de Três Lagoas, que passou por adaptações para instalação de novos equipamentos de sonorização e cenografia. Para abrilhantar ainda mais o evento, será realizado um show com Daniel Boaventura, que é amplamente conhecido por sua atuação na teledramaturgia brasileira e nos palcos do teatro, mas que também tem a vertente de cantor.

No repertório, Daniel Boaventura investe nos clássicos norte-americanos da década de 1940 e até hits modernos de cantores como Bruno Mars. Canções como “My Way”, de Sinatra, “Suspicious Minds”, de Elvis Presley, “Dancin' Queen”, do Abba, e “I will survive”, de Gloria Gaynor. “A escolha das músicas segue uma linha mestra, que é a minha voz”, garantiu o cantor, questionado por qual seria o elo que daria unidade há um repertório tão amplo.
 
“São músicas que têm muito a ver com meu estilo, com as influências que eu tenho, e que trazem o vocal de barítono com a possibilidade de fazer uma batida mais para a frente, com novos arranjos”, explicou Boaventura. “Isso, obviamente, sem perder a beleza dos arranjos de cordas e metais que foram exigidos na época em que foram compostos", atestou, completando que, no caso das músicas modernas, o cantor afirma procurar canções que "têm um cuidado com os arranjos e melodias”.
 
O espaço - Segundo o superintendente do Sesi, Bergson Amarilla, o espaço é hoje o mais bem equipado teatro de Mato Grosso do Sul.  “O Sesi está com uma das melhores estruturas do Centro-Oeste tanto com relação à escola como à empresa e esse auditório vem para confirmar isso. Instalamos equipamentos de sonorização e cenografia para que ele funcione como um teatro, podendo receber shows e grandes espetáculos. É um investimento que com certeza irá atender toda a região”, afirmou.
 
O Teatro José Paulo Rímoli conta com um espaço de 1,5 mil m² de área construída e uma capacidade de 346 pessoas. Os degraus das escadas da plateia são dotados de balizadores em LED com luz dimerizável, ou seja, que vai diminuindo de intensidade, dando maior segurança e conforto ao público. E a iluminação ambiente é 100% em LED.
 
Seus camarins são ambientes decorados e dotados de todo o conforto que o artista precisa, com mobiliários como estantes com lâmpadas em LED e espelhos, araras, cadeiras, poltronas, espelhos para corpo inteiro, mesa e ferro de passar. A caixa cênica possui um palco italiano com 184m² todo em madeira tauari, desenvolvido com um sistema de amortecimento que alivia o impacto dos pés dos bailarinos com o solo. O espaço ainda conta com sistema de quarteladas e dois monta cargas e manta linóleo na cor preta e cinza.
 
O som - O teatro será dotado de um sistema de som ambiente onde possibilitará ao público aguardar o espetáculo ouvindo uma boa música ou ainda servir de utilitário ágil e funcional de comunicação instantânea, no foyer. Outro recurso oferecido é o de tradução simultânea.
 
O sistema de sonorização é de altíssima qualidade, com caixas acústicas de controle digital, proporcionando uma sonoridade linear para a plateia. Os ajustes eletroacústicos são equalizados digitalmente, fornecendo um balanceamento para os diversos tipos de eventos.
 
As projeções de vídeo são de alta resolução e, acopladas ao sistema de som de alta qualidade, torna a sala um espaço único para eventos de vídeo musicais. Como sala multiuso, além do sistema de projeção que atende os eventos com palestras e vídeos institucionais, o sistema possibilita a captação de imagens do palco, para transmitir no próprio teatro, ou operar via streaming para transmissões ao vivo pela internet.
 
Serviço – O Teatro do Novo Sesi de Três Lagoas fica na Rua Angelina Tebet, 807, Bairro Santa Luzia.

Veja Também

Ballet Bolshoi do Brasil fará workshop e pré-seletiva em Campo Grande
Um violonista francês na Capital
Cultura Festival no Memorial da América Latina aborda situação de indígenas Evento promove debates, exibições de filmes e apresentações de rituais
Sesc Cultura resgata composições de Lídia Baís
Morada dos Baís festeja centenário
UEMS abre inscrições para curso básico de violão em Dourados
Filme A Pele Morta terá cena gravadas em Dourados e Ponta Porã
Whisky de Segunda faz apresentação gratuita neste domingo no Som da Concha
Cia Dançurbana e Grupo Bailah apresentam espetáculos na Casa de Ensaio
Cine Sesc tem biografia, segunda Matinê Sesc Aldeia Materna e drama francês