Menu
18 de abril de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Super Banner SEGOV - VALE UNIVERDADE
Capital

Semana da Francofonia celebra expressões culturais com sessões de cinema no MIS

Sessões acontecem de 25 a 28 de março, sempre às 19 horas com entrada franca

18 Mar2019Da redação13h15

Celebrando mais uma vez o mês da Francofonia, o Museu da Imagem e do Som (MIS), da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS) e a Aliança Francesa promovem um novo ciclo de exibições de filmes que apresentam as expressões da cultura e da língua gaulesa. As sessões acontecem de 25 a 28 de março, sempre às 19 horas com entrada franca.

Os filmes exibidos – no primeiro dia no auditório da Aliança Francesa e nos demais no MIS – destacam a importância histórica do francês na ciência, nas artes e também as expressões culturais dos países francófonos, 27 ao todo e distribuídos entre Américas, Europa e África.

As sessões fazem parte da Semana da Francofonia e do Ciclo Itinerante de Mulheres e Identidades Francófonas, organizados pela Aliança Francesa de Campo Grande.

Programação

25 de março (segunda-feira) – Auditório da Aliança Francesa de Campo Grande – 19 horas

Ouvrir la Voix (Abra a Voz) – Documentário sobre mulheres negras da história colonial europeia na África e nas Antilhas. 

O filme enfoca a experiência da diferença como mulher negra e clichês específicos relacionados a essas duas dimensões indissociáveis da identidade ”mulher” e ”negra”. Direção: Amandine Gay. (112 minutos, França, 2017, classificação livre).

26 de março (terça-feira) – MIS – 19 horas

Séraphine – A história da pintora primitiva Séraphine de Senlis Louis, que trabalhou como empregada na casa de burgueses em Senlis, France.

Durante décadas nutriu uma paixão secreta pela pintura, a que se dedicava à noite após o trabalho. Ela foi descoberta por acaso, pelo famoso colecionador de arte alemão Wilhelm Uhde.

Surpreso com o enorme talento de Séraphine, Uhde decide revelá-lo ao mundo e mudar sua vida. Direção Martin Provost. (Drama, 125 minutos, Belgica/França, 2008, classificação 12 anos).

27 de março (quarta-feira) – MIS – 19 horas

Bécassine! – Jovem que vive em uma fazenda no interior do Reino Unido, mesmo assumindo certas responsabilidades de adulta ainda preserva sua ingenuidade infantil. Seu maior sonho é viver em Paris, mas justo quando a situação parecia muito provável ela começa a trabalhar como enfermeira de Loulette, um pequeno bebê adotado.

Paralelamente a isso, o caos começa a tomar conta de sua vida financeira e Becassine precisa provar mais uma vez que é mais esperta do que todos ao seu redor imaginam. Direção Bruno Podalydès. (Comédia, 102 minutos, França, 2018, classificação livre). Confira o trailer.

28 de março (quinta-feira) – MIS – 19 horas

AYA – Aya e suas duas amigas, Adjoua e Bintou, vivem no bairro popular de Yopougon, em Abidjan, na Costa do Marfim. O grupo de moças tem 19 anos, idade caracterizada pela liberdade.

Enquanto Adjoua e Bintou preferem aproveitar essa virtude saindo à noite e procurando um marido, Aya tem outra ambição: ser médica. Direção Marguerite Abouet, Clement Oubrerie. (Animação, 84 minutos, Costa do Marfim, 2012, classificação livre).

Serviço - A entrada é franca. Outras informações podem ser obtidas no MIS, que fica no Memorial da Cultura, na avenida Fernando Correa da Costa, 559, 3º andar, Centro ou pelo telefone (67) 3316-9178. 

Veja Também

Marco celebra 119 anos de Lídia Baís com programação gratuita
Projeto Vertentes é atração na páscoa
Samba, forró e rock no Sesc Morada na semana da Páscoa
Marco abre exposições com fotos, esculturas e gravuras do seu acervo
Fundação seleciona artesãos para Salão do Artesanato em Brasília
Sesc tem oficina de grafismo indígena e contação de história
Festival traz 11 dias de performance para Campo Grande
Filme indicado ao Oscar será exibido no Cine Sesc
Sesc Cultura recebe exposição 'Floresta Encantada', de Ana Ruas
Encontro de Danças Urbanas abre inscrições na segunda-feira