Menu
19 de janeiro de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Poder Judiciário

Projeto que atende crianças carentes apresenta espetáculo de balé

Evento será na noite de dia 17 de Dezembro, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo

11 Dez2019Da redação16h19

Ponto de Cultura Viver Bem realiza, no dia 17 de dezembro, às 19h30, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, o espetáculo de balé “A Ilha do Verdadeiro Tesouro”, além do concerto da Orquestra Viver Bem. O evento visa promover a inclusão social por meio da dança e da música.

O espetáculo conta a história de quatro crianças muito aventureiras que encontraram um mapa, mas não era qualquer mapa, pois mostra justamente onde está escondido o verdadeiro tesouro que pode salvar o mundo, contudo, foi roubado pelos piratas. As crianças vão até a ilha em busca do tesouro.

Na ilha, encantam-se com a beleza da fauna e da flora e descobrem que não será tarefa fácil seguir o caminho indicado no mapa, recuperar o tesouro e salvar o mundo, pois foram barrados pelos piratas. Quer saber o final dessa aventura? Assista ao espetáculo.

Saiba mais - O Viver Bem atende jovens e crianças carentes da região do bairro Nova Lima, em Campo Grande, utilizando a arte como fio condutor para resgatar a dignidade humana. Foi assim que há 20 anos esposas de magistrados e jovens senhoras iniciaram o Grupo de Incentivo à Cidadania e Qualidade de Vida – mais conhecido como Viver Bem.

Todos os anos um novo espetáculo é elaborado, mostrando o resultado de toda a dedicação de professores e alunos, provando que é possível aliar arte, cultura e educação para gerar excelência de ensino e inclusão social. O espetáculo é dedicado a todos os patrocinadores, apoiadores, voluntários, alunos, pais e professores. 

Necessário apontar que em 1998 o projeto levou o balé clássico para o bairro Nova Lima. Dez anos depois, em julho de 2008, surgiu a Orquestra Jovem para agregar mais uma opção artística de levar a beleza da música erudita até a periferia da cidade. Em 2010, o grupo passou a integrar também a Rede Estadual de Pontos de Cultura de Mato Grosso do Sul.

Com sede própria, em um complexo de 340 m², o Grupo oferece aulas de informática, inglês, balé clássico, orquestra de cordas, jazz, ginástica, bordado, organização doméstica, higienização e manipulação de alimentos, maquiagem, kung fu, dentre outras atividades. 

Há também o teatro musical com interpretação e canto, além do projeto de cinema. Os critérios para participar do Viver Bem são a frequência escolar e ser morador do bairro Nova Lima e região Norte da Capital. 

O Ponto de Cultura está aberto a todos que queiram conhecer e participar de suas ações, na rua Randolfo Lima, nº 320, no bairro Nova Lima, ou pelo telefone 3354-4456. 

Veja Também