Menu
21 de setembro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Concerto

Vencedora do Grammy se apresenta na Capital

Sonia Rubinsky apresenta obras de Bach, Chopin, Villa-Lobos e Beethoven

29 Ago2019Laureano Secundo10h31

A pianista Sônia Rubinsky vai se apresentar dia 12 de setembro as 19h30 min no Teatro Glauce Rocha o concerto Reflexões: Noite de Prosa, Poesia e Música”, onde sua mãe Zlata Kaplan Rubinsky,  faz a leitura de alguns de seus poemas. O concerto tem direção cênica de Ariane Porto e Teresa Aguiar do Grupo Rotunda e traz peças de Bach, Chopin, Villa-Lobos e Beethoven, entre outros.

Campineira, Sônia atualmente reside em Paris. Após 13 anos no Brasil, sua trajetória incluiu um período de sete anos em Israel, onde estudou na Rubin Academy, antes de seguir para Nova York. Lá, obteve o 1º lugar no Artists International Competition in New York em 1984 e o título de Doctor of Musical Arts pela Juilliard School.

Como solista de orquestra já se apresentou com a OSESP, Orquestra de St. Luke’s, OSB, Sinfônica de Richmond, Sinfônica de Syracuse, Sinfônica de Phoenix, Sinfônica de Jerusalém, Sinfônica de St. Etienne, Sinfônicas dos Teatros Municipais de São Paulo e Rio de Janeiro, Sinfônica de Campinas, Sinfônica da USP e Sinfônica da Bahia, entre outras. 

Sônia Rubinsky gravou a integral da obra para piano de Heitor Villa-Lobos em oito volumes para o selo NAXOS, iniciada em 1994 nos Estados Unidos e Canadá e finalizada em 2007, em Paris. Trata-se da integral mais completa jamais gravada, incluindo várias peças inéditas. Foram 13 anos de dedicação, incluindo a pesquisa de manuscritos em diferentes países, em estreita colaboração com o Museu Villa-Lobos no Rio de Janeiro. O 1° volume foi selecionado, em 1999, pela revista britânica Gramophone, como uma “das cinco melhores gravações do ano” e foi nomeada para o GRAMMY Awards. O 5° volume foi selecionado pela mesma revista como “Editor’s Choice” em outubro de 2006 e o 8° Volume, foi vencedor do GRAMMY Latino 2009 de “Melhor Álbum de Música Clássica”. 

O show terá toda a sua arrecadação destinada para a AACC/MS sendo que os interessados podem adquirir ingressos com um quilo de qualquer tipo de alimento não perecível. A troca pode ser feita na sede da AACC/MS ou mesmo na bilheteria antes do início da apresentação

Veja Também

Arte no Meu Bairro levará samba, axé e sertanejo ao Itamaracá
Romance divertido, peça Amor 1980 reestreia encantando público
Fim de semana tem espetáculos de dança gratuitos na Capital
Marco abre segunda temporada de exposições de 2019
Livraria doa 370 livros infantis para escola da Reme
Obra do biólogo espanhol Ignácio Jiménez-Pérez será lançada em MS
Projeto Arte do Meu Bairro vai ao Dom Antônio neste sábado
Fernando Marson mostra seu talento em nova exposição da Energisa
Sertanejos de MS vencem concurso nacional de talentos
Confraria Sociartista terá sede em espaço cedido pela prefeitura