Menu
20 de maio de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Cultura

Começa hoje 1º Festival de cenas curtas

De hoje até sábado, onze espetáculos teatrais podem ser vistos gratuitamente Campo Grande

9 Mai2019Da redação10h05

O 1º Festival de Cenas Curtas de Campo Grande que acontece em três bairros da cidade:  na Coophavila 2, Aero Rancho 3 e Jardim Brasil, na sede do Teatral Grupo de Risco. Uma diversidade de linguagens teatrais com a participação de novos talentos e de artistas com trabalhos reconhecidos pelo público.            

O projeto é contemplado pelo edital do Programa Municipal de Fomento ao Teatro (FOMTEATRO) 2018. Foram escolhidos através de um edital, sete cenas com atores profissionais e três com iniciantes. Os trabalhos tem tema livre e duram entre 15 a 20 minutos.

Na quinta-feira, dia 09, as 19h30, acontecem três apresentações na Associação de Moradores da Coophavila: “Assalto”, com o grupo Os Homi do Teatro , “Um Pouco de Valentim” com Luciano Risalde e o “Casamento” com Anderson Lima.

Na sexta-feira, dia 10, as 19h30, o evento é na Associação de Moradores do Aero Rancho (setor 3). São quatro cenas: “Acontece” com grupo Esperneia, “Depois que virei mãe” com Moira Junqueira, “Vozes” com grupo Adote e “O índio atirador de facas” com Circo do Mato,

No sábado, dia 11 de maio, também as 19h30, o Festival acontece na sede do Teatral Grupo de Risco. São quatro encenações: “Ontem à noite na beira do rio” com Vinícius Febraro de Oliveira, “Cacoetes” com grupo Catropa , “Auto manifesto” com o Núcleo Jair Damasceno e “Pochet show de Belmira” com Marcos Moura.

A atriz e jornalista Fernanda Kunzler, coordenadora do projeto, quer mobilizar os trabalhadores do teatro, a comunidade escolar e os moradores da periferia para participarem do projeto. “A ideia é que novos talentos possam ser descobertos e que os moradores dos bairros distantes tenham acesso às produções culturais”, afirma Kunzler.

Após as apresentações haverá uma roda de conversa entre os artistas e o público. A proposta é nos três dias do evento, promover a atividade teatral, a troca de experiências entre artistas, incentivar novas formas de dramaturgia e o habito de ver teatro.

Veja Também

Artista plástica lança exposição com memórias da infância na Capital
Cultura de MS por Idara Duncan
Cantor Diogo Nogueira é atração na 20ª edição da Feijoada do FAC
Arraial de Santo Antônio terá astros nacionais
Sesc Cultura recebe workshop sobre movimento corporal 'Run like a girl'
Advogado de MS lança livro com dicas para prova da OAB
Concurso escolherá o hino oficial da UFMS
Inscrições abertas para quadrilhas juninas do Arraial de Santo Antônio
Artista plástica lança livro infantil amanhã
Sesc Morada dos Baís tem samba, rock e MPB nesta semana