Campo Grande •18 de Fevereiro de 2018  • Ano 7
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Águas Guariroba - Campanha Águas Faz Mais

Da redação | Terça, 12 de Setembro de 2017 - 15h19Centro Cultural abre vagas para Oficina de CapoeiraOficina será às terças e quintas-feiras, a partir das 18h30, até o mês de dezembro

(Foto: Divulgação)

O Centro Cultural José Octávio Guizzo, unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), está com matriculas abertas para a oficina gratuita “Conterrâneo Capoeira”, ministrada pelo mestre Liminha. Realizadas por meio do Programa Educativo, as aulas são para crianças acima dos seis anos, jovens e adultos. A oficina será às terças e quintas-feiras, a partir das 18h30, até o mês de dezembro.

A oficina desenvolve a coordenação motora do aluno através de exercícios específicos que estimulam o raciocínio, a musicalidade através do canto e manuseio de instrumentos, como berimbau, atabaque, agogô e pandeiro; percepção através das técnicas de ataque, defesa e acrobacias. Os participantes também aprendem a confeccionar seu próprio berimbau, resgatando rituais e fundamentos da capoeira.

“O objetivo da oficina é agregar mais praticantes para essa arte centenária, proporcionando a eles uma atividade física e cultural que gera qualidade de vida e estimula o convívio social, elevando assim a autoestima, pois a prática da capoeira envolve música, exercícios e conhecimento histórico”, explica o mestre Liminha.

Liminha é produtor, cantor, compositor e arte educador, ministra aulas regularmente desde 2002. Realizou diversos cursos de aprimoramento em capoeira, música, dança, canto, acrobacias entre outros. Já gravou dois discos de capoeira. É um dos mestres mais atuantes da cidade, sendo um dos representantes de Mato Grosso do Sul nos encontros nacionais de capoeira, apresentando sempre sua arte de gingar e cantar ladainhas desde a década de 90.

Os cursos e oficinas no Centro Cultural José Octávio Guizzo tem a função de aproximar o público com as diversas formas de arte ampliando o acesso de diversos públicos, respeitando e valorizando a essência da cultura.

Os interessados devem procurar o Centro Cultural, que fica na rua 26 de Agosto, 453, Centro, de terça à sexta-feira, com 30 minutos de antecedência do início das aulas para realizar a matricula. Crianças e adolescentes deverão vir acompanhados dos pais ou responsáveis. A oficina terá certificado e acontecerá até dezembro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3317-1795.

Veja Também
Pré-venda para 'Nada a Perder' gera filas na Capital
Mulheres estão menos tolerantes ao assédio no carnaval, dizem foliãs
Após adiamento, escolas de samba vivem indefinições
Corumbá conhecerá campeões do carnaval na tarde de hoje
Festa de família, Cordão Valu se despede do carnaval
Avenida do samba recebe ajustes finais para os desfiles
Comitiva pantaneira desfilará na avenida do samba
Baile de carnaval para crianças é no Pátio Central
Vila Carvalho cantará as lendas de MS na avenida
Homenagem a fotógrafo promete emoção no Carnaval
Square notícias UCI 2018
Vídeos
Diário Digital no Facebook
DothShop
Rec banner - Patio central
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2018 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento