Menu
19 de março de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto

Expectativa!

30 Dez201808h29PorClaudia Malfatti

“Qual o tamanho do tombo? Depende da sua expectativa”. Certa vez li essa frase, mas não tinha o nome do autor. Achei excelente, um bom resumo de como a expectativa pode surpreender. Esperar algo, imaginar de que forma a situação irá ocorrer, criar na mente uma possível realidade. Será que tem como não fazer confabulações?

Difícil viver sem tentar prever o que pode acontecer. Entendo como uma forma de desejo ou defesa, até preparo para enfrentar as situações, sejam boas ou ruins. Quem nunca, dias ou horas antes de importante conversa, elaborou mentalmente as possíveis perguntas e respostas. Não deixa de ser uma discussão com a gente mesmo. Quando vai para a vida real nunca ocorre exatamente como o pensado. Pode surpreender positiva ou negativamente.

Os exemplos podem ser inúmeros. Sonhar com alguém o presenteando com um jantar romântico, flores e declarações de amor. No dia, as flores e declarações ficam de fora. Vem à frustração. Imaginar uma viagem divertida com um grupo de amigos e se surpreender com algum “reclamão” estraga prazer. Por aí vai....

Normalmente, pecamos pela falta ou pelo excesso, ou será tudo muito ruim ou tudo extremamente incrível. Sábio aquele que consegue colocar na balança, ponderar, ser otimista com uma boa dose de realidade. A queda tende a ser bem menor. Convenhamos, que tarefinha difícil essa.    

Contato com a colunista: claumafatti@hotmail.com