Menu
14 de agosto de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Acompanhamento multidisciplinar é fundamental para o sucesso da cirurgia bariátrica

25 Out201711h22Por

A cirurgia bariátrica vem se destacando em todo o mundo por ser um tipo de procedimento que, além de contribuir com uma considerável perda de peso dos pacientes, auxilia no combate e controle de comorbidades como hipertensão, diabetes, colesterol, apneia do sono, problemas ortopédicos, entre outros. Um dos pontos principais que garante o sucesso da cirurgia e prolonga os benefícios provenientes do procedimento é o acompanhamento pós-operatório.

As informações abaixo são do site da SBCBM – Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

“É importante deixar claro que o objetivo principal da cirurgia não é só a perda de peso e sim a melhora da saúde como um todo com o controle de doenças associadas. Tudo isso pode ser prejudicado se o paciente, por algum motivo, abrir mão do acompanhamento multidisciplinar de nutricionista, psicóloga e atividade física supervisionada”, alerta o Dr. Almino Ramos, Presidente da SBCBM – Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

Um assunto que provoca muita discussão atualmente é o aumento de peso após certo tempo de realização da cirurgia. Isso pode acontecer em cerca de 10% a 15% dos pacientes e na grande maioria dos casos ocorre quando o paciente não assume hábitos saudáveis recomendados, que foram orientados desde antes da operação, como a adoção de dieta menos calórica e mais nutritiva, além da prática de exercícios físicos.

“Mudar o comportamento não é uma tarefa fácil, mas uma equipe multidisciplinar capacitada para o atendimento desses pacientes pode tornar o processo mais fácil e sustentável”, acrescenta a nutricionista Alessandra Coelho, Presidente da COESAS – Comissão de Especialidades Associadas, da SBCBM.

“O aumento do peso não significa necessariamente o retorno ao patamar de obesidade mórbida, já que na maioria das vezes o aumento é de poucos quilos. Por outras questões como genéticas e metabólicas o paciente pode adquirir alguns quilos após a cirurgia, porém consegue manter as doenças associadas sob controle. Esse é o principal propósito da cirurgia”, acrescenta Dr. Almino.

Dicas para evitar o aumento de peso
A obesidade é uma doença crônica e multifatorial. Para garantir o controle do peso corporal a nutricionista Alessandra Colha dá algumas dicas:

- Mastigar bem os alimentos.
- Evitar o hábito de “beliscar”.
- Consumir carnes magras.
- Incluir na rotina habitual frutas, verduras e legumes.
- Dar preferência para carboidratos integrais (pão integral, arroz integral).
- Evitar frituras e alimentos gordurosos.
- Atenção com o consumo de doces, principalmente preparações com alta densidade calórica, tais como, milk shake, sorvete, brigadeiro etc.
- Evitar o consumo de bebida alcoólica.
- Realizar atividade física com frequência.
- Fazer acompanhamento regular com equipe multidisciplinar.