Menu
18 de julho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Super Banner Campo Grande Expo
Agropecuária

Rally da Pecuária realiza evento em Campo Grande

Maior expedição técnica privada do País retrata a bovinocultura de corte

30 Jul2017Da redação11h59

Em agosto as condições de pastagens e os modelos de produção de carne bovina em Mato Grosso do Sul serão avaliados pelo Rally da Pecuária 2017. Trata-se da maior expedição técnica privada do país com o objetivo de retratar a bovinocultura de corte nas principais regiões produtoras.

No dia 17, a partir das 9h30, a coordenação do evento se apresenta no Parque Laucídio Coelho com uma palestra técnica e mesa redonda aberta à pecuaristas, técnicos estudantes e lideranças do setor pecuário com o tema “Produtividade e rentabilidade na pecuária”, ministrado pelo coordenador do Rally, Maurício Palma Nogueira.

Para o presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Jonatan Barbosa, ao revelar, com detalhes, o retrato da pecuária e seus sistemas de produção em Mato Grosso do Sul o Rally pode dar um norte para o planejamento e para a gestão o negócio. “Esse evento é uma oportunidade imperdível para que criadores consigam planejar suas ações e troquem experiências”, ressaltou.

Durante o Rally equipes de técnicos e pesquisadores percorrem cerca de 70 mil quilômetros em 11 estados. A programação inclui visitas a fazendas de produção pecuária e levantamento completo das áreas de cria, recria, engorda e confinamento. Durante a expedição, são colhidas informações para integrar uma base de dados sobre o atual modelo de gestão da pecuária de corte do país.

O Rally da Pecuária é realizado desde 2004. As esquipes visitam pecuaristas, mapeando e fotografando as pastagens, levando em consideração informações como a homogeneidade do pasto, volume de massa, população de plantas, altura do capim, presença de erosão, plantas invasoras, além de um histórico de utilização dessas pastagens relatado pelos produtores.

Em encontros com pecuaristas, técnicos do Rally conduzem entrevistas qualitativas e quantitativas com o objetivo de levantar, entre outros dados, áreas de pastagem e de agricultura em cada propriedade, total de cabeças de gado, confinamento, índices de fertilidade, natalidade e mortalidade, manejo sanitário e de pastagens e comercialização de animais.                       

Nesta edição, são realizados 12 eventos para produtores e profissionais do setor e 10 “oficinas da produtividade”. Estatísticas e análises dos dados levantados das últimas edições indicam tendências preocupantes para os players do mercado pecuário. Essas tendências, e as melhores alternativas para os produtores se anteciparem a elas, serão exploradas também ao longo dos eventos.

Outra novidade é a apresentação de análises econômicas que, pela primeira vez, serão exclusivamente elaboradas a partir dos dados do público entrevistado em anos anteriores. O grau de democratização das informações geradas pelo projeto será bem maior, com análises inéditas.

Veja Também

Embrapa realiza curso de melhoramento genético na Capital
Vazio sanitário da soja está em vigor em Mato Grosso do Sul
Safra de grãos tem queda de 5,3%
Pecuária precisa de subsídios
Genética Raça Nelore tem um de seus principais leilões No calendário de leilões de alta genética da raça Nelore o Anual Carpa é um dos mais concorridos do circuito nacional
Tributação de ICMS na horticultura é tema de palestra na Famasul
Câmara discute criação da Política Nacional de Redução de Agrotóxicos
Prorrogada vacinação da aftose e brucelose
CMN reduz juros do FCO Rural e taxa fica mais atrativa
No Pantanal, vacinação contra febre aftosa prossegue até 30 de julho