Menu
21 de julho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega banner  Ministério  da Saúde - HEPATITE VACINAÇÃO E TESTE
Falecimento

Pecuarista influente morre vítima de pneumonia

Rubens Catenacci foi nomeado Embaixador da Carne de Qualidade e considerado Rei do Bezerro de Nelore

23 Abr2019Da redação14h50

O pecuarista Rubens Catenacci, o Rubinho, proprietário da Fazenda 3R, faleceu nesta terça-feira, 23 de abril. Ele estava internado em um hospital de Curitiba (PR) onde morreu em decorrência de uma pneumonia.

Entidades do setor produtivo como Acrissul, Famasul e ANP divulgaram notas de pesar. A Acrissul, por exemplo, disse que Mato Grosso do Sul perdeu o seu "Embaixador da Carne de Qualidade e o agronegócio brasileiro perde uma de suas mais influentes personalidades da atualidade."

No ano passado, em Uberaba (MG), ele recebeu o troféu Mérito Expogenética 2018 da Associação Brasileira dos Criados de Zebu (ABCZ), como o melhor produtor de carne zebu do País. 

Rubinho foi considerado uma das 100 personalidades mais influentes do agronegócio brasileiro, e foi nomeado pelo Governador, Reinaldo Azambuja, Embaixador da Carne de Qualidade de Mato Grosso do Sul. Rubinho também foi considerado pela classe Rei do Bezerro de Nelore de qualidade.
 
"Com Rubens Catenacci a pecuária ganhou o conceito do bezerro de qualidade, transformado em realidade após 30 anos de trabalho incansável e que revolucionou a criação do nelore de ciclo curto, com o mercado aprendendo a explorar todo o potencial da raça e com resultados surpreendentes", disse a entidade.

Veja Também

Demanda baixa mantém mercado do sebo pressionado
Vira lei projeto que beneficia comércio e fabricação de queijos artesanais
Produção de milho em MS deve ultrapassar 10 milhões de toneladas
Governo do Estado confirma parceria na realização da ExpoMS Rural
1ª Feira Sicredi do Agronegócio gera mais de 15 milhões em negócios
Exportação da carne bovina cresce 60% no primeiro semestre de 2019
Peso de bezerros entregues por fazendas de recria cresce 12%
Em MS, exportação da carne bovina cresce 60% no primeiro semestre de 2019
Captação de leite cai em MS na comparação com 2018
1ª Feira Sicredi do Agronegócio traz oportunidades aos produtores rurais