Menu
24 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Eleição

Novo presidente da Aprosoja, Juliano Schmaedecke, é eleito em Campo Grande

Eleição foi composta de chapa única, sendo Juliano eleito presidente e o produtor rural Andre Dobashi como vice

9 Nov2017Da redação13h00

Por unanimidade, o produtor rural de Maracajú, Juliano Schmaedecke, foi eleito novo presidente da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul) para o biênio 2018/2019. A votação foi realizada na tarde desta quarta-feira, dia 8, na Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS).

A eleição foi composta de chapa única, sendo Juliano eleito presidente e o produtor rural Andre Dobashi como vice. Estiveram presentes o atual presidente da Aprosoja/MS, Christiano Bortolotto, o presidente da Famasul, Mauricio Saito, e os membros da diretoria da Aprosoja/MS, entre eles, o produtor Almir Dalpasquale, fundador da Aprosoja/MS e que, assim como Mauricio, foi presidente da Associação.

A sessão da assembleia de eleição foi presidida pelo advogado Marcos Polon, na condição de representante da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Mato Grosso do Sul). Na imagem, o presidente eleito está ao lado do atual presidente (à esquerda dele), de seu vice, Andre Dobashi, e do atual vice-presidente, o produtor Sérgio Marcon.

Juliano Schmaedecke assumirá o cargo no início de 2018 no lugar de Christiano. Juliano é produtor rural de Maracaju há mais de 20 anos e presidiu o Sindicato Rural do município entre os anos 2015 e 2017.

Veja Também

Colheita do milho safrinha será lançada na segunda-feira em MS
Queda  na produção fará preço do leite subir em MS
Famasul elege nova diretoria neste sábado
Conab inspeciona condições de armazenagem de produtos
Vazio sanitário da soja começa dia 15 de junho em MS
Prazo para quitar dívidas do crédito fundiário está terminando
Plano Safra libera recursos a partir de 1º de julho
Rally da Safra 2018 finaliza avaliação de safrinha em MS
Extendido prazo para inscrições do CAR
Prazo para vacinação contra a febre aftosa é prorrogado em MS