Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner FIEMS - Mês da Industria
Agropecuária

Feapan abre dia 20 e reúne a força da pecuária pantaneira

Leilões, coordenados pela Leiloboi, serão transmitidos ao vivo pelo AgroBrasil TV

9 Set2017Da redação14h51

Com uma das maiores estruturas para shows e negócios de todas suas edições, a tradicional Feira Agropecuária do Pantanal (Feapan) será realizada de 20 a 24 de setembro, em Corumbá, com previsão de R$ 30 milhões em comercialização de animais e maquinários agrícolas. O evento potencializa a pecuária, uma das principais econômicas do município

A feira começa com o show da cantora sertaneja do momento, Marília Mendonça, no dia 20, e conta com o apoio do Governo do Estado e da Prefeitura de Corumbá. A abertura oficial será no dia 21, às 11h, na sede do Sindicato Rural, com as presenças do ministro Blairo Maggi, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e do governador Reinaldo Azambuja.

Pantanal é celeiro de produção - Nas edições anteriores, somente com os leilões de gado de corte, touros e do cavalo pantaneiro, a Feapan movimentou mais de R$ 20 milhões. O presidente do Sindicato Rural local, Luciano Leite, estima que haverá um incremento muito forte nos negócios este ano, com o Banco do Brasil e o Sicredi disponibilizando linhas de crédito para custeio e investimentos.

“A Feapan reflete hoje a força da nossa pecuária, transformando Corumbá em um celeiro de produção com responsabilidade preservacionista, que sempre norteou a atuação do homem pantaneiro em mais de 200 anos no Pantanal”, disse Luciano Leite. “Além de produzir a melhor carne, o pantaneiro também contribui para os 84% do Pantanal preservados”, acrescentou.

Este ano, a feira conta com a participação do Circuito do Laço Comprido, que reunirá provas, nos dias 23 e 24, com a participação de 350 cavalos de várias regiões do Estado. O Parque de Exposição Belmiro Maciel de Barros terá estandes de empresas de implementos agrícolas e da agricultura familiar, palco para shows e praça de alimentação, com portões abertos de 21 a 24.

Leilões com transmissão vivo - No dia 21, haverá provas de julgamento do cavalo pantaneiro, com participação de animais de Campo Grande e Corumbá e das cidades mato-grossenses de Cuiabá, Poconé e Cáceres. No mesmo dia, haverá concurso para escolha da rainha e princesa da Feapan e leilão de gado de corte com 1.000 reses. O leilão de elite do cavalo pantaneiro, no dia 23, reunirá 40 animais.

A programação inclui, ainda, palestras, cursos, prova de pista de laço, leilão (no dia 22) de 200 touros, bailes e confraternização dos produtores e convidados, no dia 24. Os leilões, com a coordenação da Leiloboi, serão transmitidos ao vivo pelo canal Agro Brasil TV. Uma das palestras abordará os projetos Felinos Pantaneiros e as Estratégias Antipredação de Rebanho.

(Com informações da assessoria de imprensa do governo do Estado)

Veja Também

Exportações de carne bovina de MS crescem 5,6%
Programa ABC Cerrado abre vagas para capacitar produtores rurais
MS terá debate sobre energias renováveis na agricultura familiar
Rebanho pode ser dispensado de vacina em 2023
Cultivo de soja convencional tende a crescer em MS
Prazo para adesão ao Programa de Regularização Tributária Rural é prorrogado
Quebra da safra argentina impulsiona  exportação de farelo de soja de MS
Vacinação contra febre aftosa começa em maio
Em Corumbá, pecuaristas devem vacinar 2 milhões de animais contra aftosa
Drone e ferramentas artesanais fazem sucesso na 3ª edição da Tecnofam