Menu
25 de abril de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Super Banner SEGOV - VALE UNIVERDADE
Primeiro escalão

Segurança jurídica será prioridade de Tereza Cristina

Na primeira viagem ao Estado deputada federal que vai assumir a pasta da Agricultura definiu prioridades

9 Nov2018Laureano da Rosa Secundo12h28

 “Ouvi do presidente eleito Jair Bolsonaro algo que soa como música para os nossos ouvidos que é a determinação para que no seu Governo a classe produtora tenha segurança jurídica “, afirmou Teresa Cristina  durante entrevista coletiva que concedeu a imprensa na sede da Famasulk na manhã de hoje em sua primeira viagem ao estado após ter tido o seu nome confirmado como futura ministra do Goberno do presidente eleito Jair Bolsonaro.

A deputada federal Teresa Cristina  disse que a prioridade para a sua gestão a frente do Ministério da Agricultura será lutar pelo estabelecimento de segurança jurídica para a classe produtora. A coletiva aconteceu coletiva na sede da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) e contou com a participação dde representantes do setor produtivo  e também do Secretário de Governo Eduardo Riedel que, na oportunidade representou o Governador Reinaldo Azambuja.

Theresa Cristina disse também que na próxima semana vai ter a primeira reunião com a equipe do Governo quando começará a saber  quais as mudanças que deverão acontecer  na atual estrutura da pasta e  também já tem uma audiência com o atual ministro Blairo Maggi. “Vamos acelerar  o processo de transição e aí já teremos condições de começar a definir as primeiras estratégias para o início da gestão a frente da pasta da Agricultura.

 

Veja Também

Executivo quer criar programa de atualização do cadastro da pecuária
Pecuarista influente morre vítima de pneumonia
Clima prejudica e produção de soja em MS
Estoque de caprinos e ovinos podem ser regularizados por meio de anistia
Membros da Câmara de Mineração conhecem relatórios sobre barragens
Iagro confirma casos de raiva em municípios de MS
Senar melhora a produtividade de suinocultores do Estado
Dourados lidera geração de empregos
Ferramenta gratuita da Embrapa ajuda a tirar dúvidas sobre gado de corte
Com 47 milhões de toneladas de cana, MS supera safra passada